Prestes intensifica projeto de crescimento no Paraná

Com cenário favorável na construção civil, Incorporadora Prestes projeta grandes lançamentos

O balanço dos dois primeiros meses do ano já confirma o cenário favorável para as operações da incorporadora (Imagem: Ascom/Prestes)

A Prestes Construtora e Incorporadora começa 2020 com foco em seu plano de expansão. Assim, o grupo que já tem sua marca fixada em praças estratégicas como Ponta Grossa, Londrina e Guarapuava tem como meta alcançar novas praças dentro do Paraná. Além disso, com o mercado imobiliário aquecido, a Incorporadora projeta lançar um VGV (valor geral de vendas) de R$ 470 milhões nos próximos 12 meses.

O superintendente comercial da Prestes, Marcelo Alves,entretanto, revela que após ampliar a atuação da construtora em Apucarana, no final do ano passado, Curitiba, São José dos Pinhais e Cambé entram para o circuito de áreas de operação da companhia.

Embora seja um mercado altamente competitivo, capital e região metropolitana possuem um potencial enorme de mercado. Nós entendemos e apostamos na competitividade do mix de produtos Prestes, que são adequados para atender as demandas dessas cidades.

Segundo ele, a ampliação para o município de Cambé, no Norte do Estado, se deu após a consolidação dos produtos da construtora no mercado de Londrina.

O balanço dos dois primeiros meses do ano já confirma o cenário favorável para as operações da incorporadora. Somente em fevereiro, os contratos firmados totalizaram uma receita de R$ 19 milhões. Na soma geral do período, as operações ultrapassaram a casa dos R$ 37 milhões. O montante é resultado da comercialização dos empreendimentos em regiões nas quais a Prestes já atua. “Tivemos um ótimo desempenho. Este início de ano foi o melhor de toda a história da Prestes, é a certeza de que estamos no caminho certo. Entramos em março planejando muito bem nossas ações”, reforça Alves.

Os empreendimentos nas novas praças de atendimento estão na fase de pré-obra. A expectativa é que os lançamentos ocorram no terceiro trimestre. “Temos um cuidado legítimo e primordial com o começo da obra, que é o período da edificação dos muros, guarita, de todo o contraste urbano. Essa fase é essencial para que os nossos produtos comecem a ficar tangíveis para os nossos clientes”.

Além disso, um planejamento de marketing específico para cada praça está em desenvolvimento. “Nossa estratégia se baseia em três grandes pilares: notoriedade da marca Prestes, que vem com um crescimento exponencial, além de ser legitimamente paranaense, a grande variedades de produtos, e ainda, os empreendimentos são super acessíveis”, revela.

CRÉDITO IMOBILIÁRIO

A linha de crédito é outro elemento relevante para a construção civil. Hoje, o mercado se vê otimista em relação às instituições financeiras. Algumas delas, como o caso da Caixa Econômica Federal, já sinalizaram manter juros pré-fixados com parcelas estabelecidas. “Os bancos privados também estão com movimentações bem interessantes.

A Prestes, além de atender o MCMV, começa a operar também dentro da linha de financiamento SBPE. Quem tende a ganhar é o cliente final, que podem optar por linhas de créditos mais acessíveis e personalizadas para facilitar a aquisição do imóvel”, completa o superintendente da Prestes.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

AGROPECUÁRIA

Após a estiagem, chuva dá 'fôlego' à agropecuária na Região

SAÚDE PÚBLICA

Depois de afetar mil pessoas, surto diarreico entra em declínio em Pinhão

EM BOA HORA

Aplicativo Meu Sebrae possibilita conexão entre empreendedores

Comentários