Programa planta mudas de araucária em Guarapuava e Região

O programa abrange diversos municípios da Região e em todo Paraná. O espaço reflorestado é equivalente a 367 campos de futebol

Programa de reflorestamento planta mudas de araucária em Guarapuava e Região (Foto: Ari Dias/AEN)

O Governo do Estado iniciou nesta semana o plantio de mais de 46 mil mudas de araucária em todo Paraná, inclusive em Guarapuava e Região. O programa pretende reflorestar mais de 367 hectares. Dessa maneira, o espaço equivale a 367 campos de futebol. Em Guarapuava, o programa plantará cinco mil mudas, o que equivale 7,42 hectares.

De acordo com a Agência Estadual de Notícias, a ação faz parte do programa ‘Paraná Mais Verde’, desenvolvido pela Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e Turismo. A meta do programa é plantar cerca de 3 milhões de mudas nativas de todas as espécies até o final deste ano. Entretanto, o programa espera plantar 10 milhões de mudas ao longo dos próximos anos.

PRIMEIRAS MUDAS

Nesta semana, o ‘Paraná Mais Verde’ plantou 100 mudas na Casa da Cultura da Água, Área de Preservação Ambiental (APA) da Sanepar, em Piraquara (RMC). Conforme o secretário Márcio Nunes, a população precisa apoiar a preservação do meio ambiente. Dessa maneira, minimizando os impactos provocados pelo desequilíbrio.

A preservação é imprescindível para que tenhamos uma vida melhor. Estamos vivendo a maior crise climática dos últimos 100 anos, com falta de água em grandes centros e na agropecuária. Portanto, precisamos equilibrar a natureza com o plantio de árvores, a preservação dos rios e da vida humana.

(Foto: Ari Dias/AEN)

MUNICÍPIOS

Além de Guarapuava, o programa plantará 4,5 mil mudas em Irati, o que equivale a 35,35 hectares. Mas são os 19 viveiros do Instituto Água e Terra (IAT) que produzem as mudas.

Já em Pitanga, 1.015 mudas (0,3605 hectares). Outros municípios também receberão o programa, como Curitiba, Ponta Grossa, Campo Mourão e Pato Branco. Ademais, Francisco Beltrão, Toledo, Cascavel, Ivaporã e União da Vitória.

(Foto: Reprodução)

ARAUCÁRIA

A Araucaria angustifolia, também conhecida como araucária e pinheiro-do-paraná, é a árvore símbolo do Paraná. O nome vem do latim e significa folha pontuda. Conforme o diretor de Patrimônio Natural do IAT, Rafael Andreguetto, as árvores vivem por muito tempo, chegando até a 250 anos da idade.

Além de ser o símbolo da história do Paraná, a Araucária representa a biodiversidade do Estado. Ela é o indicador de que temos áreas bem conservadas, com biodiversidade rica, garantindo, inclusive, alimentos para a fauna.

(Foto: Reprodução/Pixabay)

ROTINEIRAS

De acordo com o diretor de Políticas Ambientais da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Rasca Rodrigues, o plantio de mudas nativas ocorre rotineiramente em todo o Estado. “O IAT protege, conserva e produz Araucária porque além de ser símbolo do Estado, é importante para a alimentação de muitos animais como o tucano e a cutia”.

Além disso, a semente, o pinhão, serve de alimento também para a gralha-amarela, a gralha-azul e outras aves. O pinhão é bastante apreciado na culinária estadual e a madeira da Araucária é resistente. Por conta disso, a árvore já foi muito explorada para a construção de casas e móveis.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ALTA PROCURA

Faculdade Guarapuava formou 200 profissionais de contabilidade

LER FAZ BEM

Bibliotecas da Unicentro indicam livros do acervo no Instagram

GUARAPUAVA

Capital da Cevada e do Malte agora tem curso técnico de mestre cervejeiro

Comentários