Rigor nas finanças permite reposição salarial em Turvo

Prefeito concede 3,75% ao funcionalismo do quadro geral e 4,17% ao magistério

Jerônimo Gadens do Rosário (Foto: RSN/arquivo)

O prefeito de Turvo, Jerônimo Gadens do Rosário anuncia a reposição salarial a servidores e professores do município. “Estamos respeitando o índice do IPCA [Índice de Preços ao Consumidor], que é de 3,75% aos servidores, e do piso nacional dos professores, de 4,17%”, disse o prefeito ao Portal RSN.

De acordo com o secretário municipal da Fazenda, Emerson Ribeiro de Campos, o município caminha na contramão da maioria dos municípios brasileiros. “Nossa administração é enxuta”.

Com 517 servidores, dos quais 180 cargos do magistério, até dezembro, o município mantinha o limite prudencial de 48,6%. Porém, em dezembro, o prefeito promoveu uma política de contenção de gastos e esse percentual caiu para 45,61%.

“Para fechar o exercício de 2018, indo contra a realidade enfrentada por outros municípios, fizemos uma contenção de gastos para chegar em janeiro e manter o índice baixo e ter a margem de reposição salarial”.

Outro fato que contribuiu para esse enxugamento da máquina pública refere-se aos cargos comissionados. Das vagas existentes, apenas 72% estão ocupados. “E desses cargos 22% são efetivos, são funcionários de carreira que receberam promoções em cargos de chefias e até no primeiro escalão. A nossa secretária de Educação, por exemplo, veio do quadro de carreira”, afirma Emerson.

Relacionadas

COLHEITA FARTA

Produtor de cevada comemora colheita, qualidade e preço

REGIÃO

PM identifica autora de postagens ofensivas à Corporação em LS

MORADIA

Famílias recebem casa própria em Santa Maria do Oeste

Comentários