Sadi assume perda de CNH. Gilson Amaral diz que foi reprovado

Guarapuava – O vereador Sadi Federle (PSB) assumiu na tribuna da Câmara que fez a reciclagem como motorista para poider reaver a sua habilitação. Ele perdeu o direito de dirigir por ter extrapolado a pontuação máxima permitida (20 pontos) pela legislação.
Sadi disse que passou o final de semana em curso e defendeu a exigência dessas aulas como forma de minimizar os problemas no trânsito.
Gilson Amaral pediu um aparte para dizer que está renovando a sua habilitação e que não passou na prova. “Se isso é motivo de piada para alguns, até mesmo vereadores, para mim é uma demonstração que ajo como cidadão comum sem pedir privilégios”, alfinetou.

Comentários