Santuário de Reserva do Iguaçu pode integrar roteiro turístico do Paraná

O Passo da Reserva é considerado um dos mais belos pontos turísticos do Sul do Brasil, especialmente pelas trilhas, cursos d’água e cachoeiras

Santuário de Reserva do Iguaçu pode ser incluído no roteiro turístico do PR (Foto: Diário Reservense)

O Santuário de Nossa Senhora Aparecida de Reserva do Iguaçu poderá integrar o roteiro turístico religioso oficial do Paraná.

Isso porque o deputado estadual Rodrigo Estacho protocolou projeto de lei para incluir o Santuário que fica na Localidade de Passo da Reserva. Além disso, conforme o Diário Reservense, também foi pedido o reconhecimento da festa oficial da padroeira, que ocorre anualmente no dia 8 de dezembro.

HISTÓRIA

A história do local onde está o Santuário é repleta de mística. Reza a lenda que um tropeiro resolveu atravessar o Rio Reserva em um vão aberto conhecido com Passo da Reserva. Entretanto na travessia, o tropeiro e o cavalo acabaram sendo levados rio abaixo pela correnteza traiçoeira em direção a uma enorme cachoeira.

De acordo com informações, diante do perigo e com medo, o tropeiro – que era devoto fervoroso de Nossa Senhora Aparecida -, pediu ajuda à Virgem em um grito para que ela o salvasse. Conforme a história, houve um momento de transe e, milagrosamente, o cavaleiro se desvencilhou dos estribos que o prendiam ao cavalo e foi arremessado para a margem, salvando-se.

Comovido e agradecido pela vida, o tropeiro se comprometeu a erguer ali uma igreja em homenagem a Nossa Senhora Aparecida. Tempos depois, ele retornou com uma imagem da Virgem e ainda fez doações em dinheiro para que ali, no Passo da Reserva, fosse fundado um Santuário.

Em 1882, foi erguida, então, a primeira Capela em honra a Nossa Senhora Aparecida. Desde então o local é muito visitado por devotos da Virgem. Além da questão religiosa, o local é rico em águas cristalinas e conta com uma paisagem espetacular.

O Passo da Reserva é considerado um dos mais belos pontos turísticos do Sul do Brasil, especialmente por conta da vegetação nativa, trilhas, cursos d’água e cachoeiras. De acordo com visitantes, no local há uma sensação de paz e tranquilidade que convida todos a voltarem sempre.

Por fim, o projeto já foi protocolado, e agora deverá passar pelas comissões temáticas da Assembleia Legislativa para, então, ser votado.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

AJUDA URGENTE

'Vidas por Vidas' faz rifa solidária para não fechar as portas

TURISMO RELIGIOSO

Caminho da fé: estações da Via Sacra estão em fase final de construção

SONHO REALIZADO

Governo regulamenta terras de pequenos produtores em Candói

Comentários