Três pessoas são vítimas de estelionato em Guarapuava

O homem que estava intermediando a negociação repassou um valor maior do que era solicitado. A vítima percebeu quando recebeu o recibo

Polícia registrou a situação no início da manhã (Foto: Arquivo/RSN)

Dois homens e uma mulher foram vítimas de estelionato nessa segunda (23) em Guarapuava. Por volta das 9h25, um homem acionou a Polícia Militar na avenida Prefeito Moacir Júlio Silvestre. No local, o solicitante de 26 anos relatou que queria comprar uma moto e acabou vítima de estelionato. De acordo com as informações, a negociação começou por meio de um anúncio em um site de compra e venda.

Ainda conforme o homem, um rapaz estava intermediando o negócio e afirmava ser primo do vendedor da moto. Além disso, eles trocaram várias mensagens e marcaram um encontro para finalizar a venda. O intermediador também informou que quem levaria a motocicleta seria o primo dele, um homem de 27 anos e uma mulher de 24 anos. De acordo com o solicitante, a moto estava registrada no nome da mulher e ela assinaria o recibo transferindo da propriedade para o homem.

Assim, ele fez a transferência. Entretanto, ao receber o comprovante ele percebeu que o valor do recibo não era o mesmo valor da negociação. O homem que fez a intermediação havia repassado um valor maior. Nesse momento, a vítima percebeu que ela e o casal proprietário da moto foram vítimas de estelionato. Diante dos fatos, a PM os encaminhou à 14ª SDP para os procedimentos cabíveis.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

PREVISÃO DO TEMPO

Chuva forte deve marcar a semana em Guarapuava

BOLETIM COVID

Saúde de Guarapuava já contabiliza mais de 1.100 casos de covid-19 em janeiro

ADEQUAÇÃO

Festa de Nossa Senhora de Belém terá apenas a parte religiosa

Comentários