Tudo pronto para o show que vai sacudir a noite desta sexta em Guarapuava

Alok se mostra um artista exigente. Confira parte do 'rider' técnico que vai compor o camarim uma hora antes do show em Guarapuava

Alok em show (Foto: Reprodução site oficial)

Já está tudo pronto para o show do DJ Alok, a partir das 21h desta sexta (6), no Vittace Centro de Eventos, em Guarapuava. Neste momento, às 16h30, a banda faz a ‘passagem’ de som. O DJ, porém, vai aterrissar na cidade momentos antes do show e segue para o Vittace.

De acordo com o comunicador Diego Caetano, restam ‘pouquíssimos’  ingressos. Assim, quem ainda não comprou o seu deve correr até o Vittace para não ficar de fora da balada mais agitada da noite desta sexta.

Conforme Diego Caetano, a expectativa de público é de três mil pessoas.

Assim, para o espetáculo  que reúne uma parafernália de som, luzes e cores, estão sendo preparadas 10 toneladas de equipamentos. A logística conta com 70 pessoas envolvidas. Porém, quem chegar antes vai dançar ao som dos DJs Taline e Marcelinho, das 21h às 22h.

De acordo com informações do site oficial do DJ, Alok é um indivíduo de raiz musical muito forte. Foi criado numa família onde seus pais, Swarup e Ekanta, e o irmão gêmeo Bhaskar são artistas da cena eletrônica. Portanto, o seu universo tem girado em torno da música desde os 10 anos de idade. O início precoce, ao lado do seu irmão com o projeto “Lógica”, o tornou um produtor pró-ativo e atualmente, em carreira solo, totaliza mais de uma década de trabalho.

Entretanto, Alok é um artista exigente, segundo a solicitação feita pela produção aos promotores do show. Para se ter uma ideia, o Portal RSN divulga o que deverá constar no camarim do artista.

CAMARIM

O camarim do artista deve ser grande o suficiente para acomodar 10 pessoas:

Sofás confortáveis na cor preta (2)
Poltronas na cor preta (2)
Mesa de centro coberta com toalha preta
Cadeiras (6)
Espelho de corpo inteiro
Lixeira; lixeira para itens reciclados
Refrigerador grande
Tomadas elétricas com conectores ac (5)
Adaptadores de tomada (4)
Cabideiro
Paisagismo (vecchia/bambu mosso)

COMIDA E BEBIDA

Cervejas long necks (Heineken ou Corona) – 60;
Água sem gás (AMA) – 30;  garrafas de água com gás (San Pellegrino ou Perrier) ; água de Coco (5 litros – natural ou da marca Kerococo)
Suco de Cranberry (1 litro); 1 litro de  de uva; um litro de suco de laranja; um litro de suco de maracujá (1 litro)
Latas de energético (Red Bull – regular e sem açúcar) – 36
Água tônica – 12
Latas de Coca-Cola – 12
Latas de Guaraná – 12
Caixinhas de achocolatado (Toddynho ou Nescau) – 15
Gatorade (sabores variados) – 10
Garrafinhas de shake de proteína sabor baunilha (marca +Mu 32g) -4
Bebida regional – 1
Café (Obrigatório): Máquina de café expresso (3 Corações), adaptador de tomada 20 amperes, 20 cápsulas de café forte, adoçante, mel, açucar

ALIMENTAÇÃO

Frutas frescas: uma cesta para 10 pessoas (melão, uva, banana, maçã, morango e frutas vermelhas)
Salada fresca: Alface americana, rúcula, agrião, tomate cereja, tomate seco, cenoura, mussarela de
búfala. Molho para salada: pesto
Legumes grelhados ou a vapor (batata baroa, brócolis, abobrinha, cenoura e outros)
Peixe fresco: Salmão (grelhado ou assado)
Frango grelhado
Filé mignon grelhado ou ao molho madeira
Massa: Espaguete ou fettuccine (molho branco ou sugo)
Batata Doce assada (com casca)

E TEM MAIS

Sanduíches Quentes e frios (vegetariano, salame, queijo, presunto e frango)
Mesa de frios (queijos variados, salames, presunto di parma)
Castanhas sem sal (do pará, de cajú, amêndoas, macadâmia, pistache, nozes e avelãs)
Chocolate sortidos da marca Lindt (preferencialmente ao leite)
6 barras de proteína (exceed ou similar)
Arroz integral
Prato vegetariano
Barrinhas de cereais sortidas
Prato regional
Hambúrguer (carne e vegetariano)
Aveia em flocos
Biscoitos e brownies

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CONSCIÊNCIA AMBIENTAL

Meio ambiente orienta moradores para o descarte correto em lixeiras públicas

AJUDA

Apaes da Região recebem cestas básicas da Secretaria da Justiça do PR

EXEMPLO

Bituruna economiza R$ 800 mil com redução de salários na pandemia

Comentários