Por mais mulheres na tecnologia

A tecnologia é o presente. Atualmente manter qualquer empreendimento sem dominar alguns softwares e ferramentas inovadoras é a receita para o fracasso. Mas só trabalhar com softwares básicos não é suficiente. A cada dia um novo mundo bate a porta chamando as pessoas a também fazerem parte do desenvolvimento, programando e construindo novas possibilidades.

O setor de desenvolvimento tecnológico ainda é dominado por homens devido ao estigma de que a mente masculina deve cuidar das ciências e exatas e as mulheres das humanas. Mas a história nos prova o contrário quando revemos nossos conceitos e descobrimos mulheres como Ada Lovelace (primeira pessoa a criar um programa de computador), Joan Clarke (fez parte da equipe que decodificou o Enigma, que era um sistema de mensagens secretas ultra avançado dos nazistas na segunda guerra mundial) e Stephanie Shirley ( empreendedora de tecnologia que fundou no Reino Unido em 1960, uma empresa pioneira de software só com mulheres). Estes exemplos nos mostram que as mulheres tem todas as capacidades necessárias para atuar e se destacar na ciência.

É preciso não só discutir o papel feminino neste campo, mas partir para ação derrubando mitos e estigmas do passado e construir o futuro de igual pra igual. Estimulando as mulheres e mostrando que programar não é apenas para nerds de óculos que começaram ainda crianças, mas sim para qualquer pessoa interessada em algo novo.

O LAB trás a primeira oportunidade de diversas ações que serão executadas em 2016 para as garotas que desejam iniciar na programação, robótica e tecnologia com a oficina “Code like a ladie” que será ministrada neste sábado pela Dayane Lustosa e pelo Alexandre Karpinski para iluminar os primeiros passos das guarapuavanas que desejam construir um novo mundo.

É neste sábado (12/3), às 13h30, no Laboratório de Ideias da Prefeitura de Guarapuava (Casa do Imigrante, em frente ao Parque das Crianças). Para se inscrever basta enviar um e-mail para lab@guarapuava.pr.gov.br até às 12h do dia 11/3. A oficina é gratuita mas as vagas limitadas, o resultado será publicado aqui no LAB Makers e também na página do LAB no dia 11/3 às 15h. Esperamos vocês!

MAIS VÍDEOS

Comentários