Após seis dias, polícia resgata médica Tamires em cativeiro em Cantagalo

Tamires Gemelli Silva Mignoni, é filha do prefeito de LS. O sequestro ocorreu na sexta (16) em Erechim/RS. A polícia prendeu três pessoas

Após seis dias, polícia resgata médica Tamires em cativeiro em Cantagalo (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

*Reportagem atualizada às 10h38

Após seis dias desaparecida, termina o sequestro da médica Tamires Gemelli Silva Mignoni. O sequestro ocorreu na sexta (16) em Erechim/RS. Na noite dessa quarta (21), policiais do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre) do Paraná e do Deic do Rio grande do Sul, resgataram a médica em um cativeiro em Cantagalo.

De acordo com as informações, a polícia prendeu três pessoas, dois homens e uma mulher. Tamires é filha de Berto Silva, prefeito de Laranjeiras do Sul. Candidato à reeleição, Berto Silva largou os compromissos em Laranjeiras do Sul e viajou para Erechim/RS para acompanhar as investigações.

Além disso, essa semana, em nota ele pediu orações e agradeceu manifestações de apoio.

Os sequestradores pediram R$ 2 milhões para libertar Tamires. No entanto, não houve pagamento. Conforme a GZH, o delegado Sander Cajal, diretor do Departamento Especial de Investigações Criminais (Deic) do RS, informou que em nenhum momento os sequestradores aceitaram baixar o valor pedido. Além disso, os sequestradores não amordaçaram, amarraram ou maltrataram da vítima.

PREFEITO AGRADECE ORAÇÕES

Assim, conforme a polícia, dois homens em carros diferente sequestraram a médica por volta de meio dia de sexta (16), quando ela saía de um posto de saúde no bairro Aldo Airolli, em Erechim/RS, onde trabalhava.

Após o resgate da filha, o prefeito escreveu em uma rede social: “Valeram as orações. A Tamires acaba de ser libertada pelos grupos Deic e Tigre. Nossa menina está voltando pra casa”.

Equipes do Grupo Tigre (PR) e do Deic (RS) (Foto: Reprodução)

Na terça (20) moradores de Laranjeiras do Sul se reuniram para uma vigília de oração pela filha do prefeito Berto Silva. De acordo com a polícia, os sequestradores levaram a médica no próprio carro durante à tarde de sexta (16).

Conforme informações, a polícia encontrou o GM Equinox abandonado no bairro Cristal, distante cerca de 6 quilômetros da unidade de saúde onde ela trabalha. Por fim, até o momento, a polícia não divulgou detalhes do resgate.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

NÃO PARA

Saúde de Irati registra mais uma morte por covid-19

MODELO

Derbli busca parceria com o Cilla Tech Park para inovar economia de Irati

CRIME AMBIENTAL

Aplicação de inseticida mata abelhas em comunidade em Turvo

Comentários