Delegado chefe da 2ª SDP diz que não há ligação entre crimes em LS

Conforme ao delegado chefe, Marcelo Luiz Trevizan, as mortes envolveram desentendimento. Todos os suspeitos já foram identificados

Delegado chefe da 2ª SDP diz que não há ligação entre crimes em LS (Foto: Arquivo/RSN)

O delegado chefe da 2ª SDP de Laranjeiras do Sul, Marcelo Luiz Trevizan afirmou com exclusividade ao Portal RSN nesta terça (4), que os crimes ocorridos na madrugada de domingo (2) e nessa segunda (3), em que quatro pessoas foram assassinadas brutalmente, não têm ligação entre si. “Para cada crime, foram autores diferentes. Não há participação de organização criminosa. E não há qualquer indício de crime relacionado com tráfico, furto ou roubos”.

De acordo com Marcelo Luiz Trevizan, nas três situações que resultaram em quatro mortes, a causa primária foi desentendimento e briga. “Nos dois primeiros casos [assassinato dos irmãos Vilson e João das Neves, e de Romário Leal] os crimes foram cometidos também pela ingestão de bebida alcoólica”.

Na morte dos irmãos, já foi apurado preliminarmente que um grupo se desentendeu com eles, afirmou o delegado. Assim, esse grupo aproveitou que os dois estavam perto de um bar, e durante a briga os suspeitos usaram pedras e acabaram assassinando esses dois irmãos. “Os autores já foram identificados e a polícia trabalha para concluir esses inquéritos o mais breve possível”.

Conforme o delegado, as investigações estão avançadas. “Muitas vezes apesar da polícia saber quem são os autores dos crimes, é preciso traduzir isso em provas, colocar no papel para poder concluir o caso”.

DESENTENDIMENTOS

O segundo caso [Romário Leal], que resultou na terceira morte ocorrida na madrugada de domingo no município, também envolveu discussão, briga e bebida, conforme informou o delegado Marcelo Luiz Trevizan ao Portal RSN.

“Inclusive a vítima havia se desentendido inicialmente com uma pessoa. Eles estavam todos juntos confraternizando e ingerindo bebida alcoólica. Em determinado momento, houve um desentendimento, a vítima foi até a sua casa, se armou com um facão, e retornou até o local onde estava antes e acabou sendo morta, ao tentar agredir o seu desafeto. Era um outro grupo de pessoas”.

E por fim, sobre a morte ocorrida nessa segunda (3), o delegado disse que foi um desentendimento antigo que os suspeitos tinham com a vítima. De acordo com o delegado chefe, a vítima [Alaércio Antonio de Teixeira, de 35 anos], chegou a ficar presa por um tempo na delegacia.

Alguns dias antes, os suspeitos já teriam tentado matá-lo, mas nós não tínhamos a informação porque a vítima não procurou a delegacia para registrar o fato. Antes não tinham conseguido, mas ontem (3) conseguiram. Realmente foi um fato impactante a cena do crime. Também desse caso, os autores estão identificados. Por isso, a população pode ficar tranquila. A polícia está trabalhando para elucidar todos os crimes, e já tem a identificação dos suspeitos, que participaram dos homicídios.

QUATRO CRIMES EM MENOS DE 48 HORAS

Na tarde dessa segunda (3), um homem foi morto por golpes de facão, no bairro Mineiro. De acordo com o Corpo de Bombeiros que atendeu a ocorrência, Alaércio Antonio de Teixeira, de 35 anos foi assassinado na frente da filha de 14 anos. Três homens teriam participado do crime.

Conforme informações dos bombeiros, ele tinha cortes nas mãos, ferimentos na face, crânio, ombro e coxa. Ainda de acordo com os bombeiros, as armas utilizadas foram uma faca e um facão. O corpo, que estava caído em meio a uma plantação de soja, foi transladado para o Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava e deve ser liberado nesta terça.

TRÊS MORTOS NO DOMINGO

Os irmãos Vilson das Neves, de 37 anos e João das Neves Pereira, de 29 anos foram apedrejados até a morte na madrugada de domingo (2) em Laranjeiras do Sul. Já o jovem Romário Leal, de 21 anos foi morto com golpes de faca e um golpe fatal num dos lados do rosto.

De acordo com laudo do IML, o golpe provocou traumatismo craniano. Ele foi encontrado dentro de uma casa, no bairro Presidente Vargas. De acordo com mãe da vítima, Ester Leal, três homens teriam matado o seu filho.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

HOMICÍDIO

Homem é encontrado morto na localidade Dois Irmãos em Pinhão

BOA NOTÍCIA

Vereador Nego Jacumasso e irmão recebem alta da Santa Casa de Irati

SENDO SEGUIDA

Adolescente de 15 anos é assediada por homem em Pinhão

Comentários