‘Dia D’ com orientações sobre o Novembro Vermelho é adiado

Em Guarapuava, a UniGuairacá iria oferecer orientações à população hoje (27). Mas, adiou a ação por conta do aumento dos casos da covid-19

‘Dia D’ com orientações sobre o Novembro Vermelho é adiado (Foto: Secom/Prefeitura Municipal de Guarapuava)

A campanha Novembro Vermelho divulga a prevenção ao câncer de boca. Desse modo, Guarapuava teria um ‘Dia D’ nesta sexta (27), em que os acadêmicos de Odontologia da UniGuairacá promoveriam orientações e avaliações na praça 9 de Dezembro. Contudo, com o crescente número de casos da covid-19 no munícipio, o centro universitário adiou a data.

Apesar disso, a campanha já estava com toda força. As ações nesse sentido nos postos de saúde foram intensificadas. Conforme o coordenador de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde, Hugo Vieira de Santana, a campanha chama a atenção dos profissionais de saúde bucal. E principalmente da população em geral.

O objetivo é conscientizar sobre a importância da prevenção e a detecção precoce das lesões bucais que evitam a mutilação e, em muitos casos, a morte do paciente. O câncer de boca também pode levar à morte e as pessoas precisam saber disso.

A campanha reforça a importância dos cuidados bucais que previnem o tumor, enfatizando o diagnóstico precoce. Além disso, os interessados podem buscar atendimento nas Unidades Básicas de Saúde, sem a necessidade de agendamento. Ao aparecer qualquer sintoma é preciso procurar ajuda para evitar complicações.

(Foto: Reprodução/Pixabay)

SINAIS

O câncer bucal geralmente apresenta alguns sinais como lesões na cavidade oral ou nos lábios. E ainda, manchas e placas vermelhas ou esbranquiçadas na língua, gengivas, palato ou bochechas. Bem como, nódulos no pescoço e rouquidão persistente. Conforme o Instituto Nacional do Câncer, os grupos de pessoas mais suscetíveis a desenvolver essa doença são aqueles que: fumam, que foram expostas ao vírus HPV e homens acima de 40 anos.

Além disso, pessoas que fazem uso de próteses dentárias mal adaptadas, apresentam excesso de gordura corporal e têm imunossupressão. Ademais, pessoas que consomem bebidas alcoólicas regularmente ou adoçantes e alimentos aquecidos no micro-ondas. Bem como, pessoas se expõem a óleo de corte, amianto, poeira de madeira, poeira de couro e poeira de cimento. Ainda, cereais, têxtil e couro, formaldeído, sílica, fuligem de carvão, solventes orgânicos e agrotóxicos.

PREVENÇÃO

A prevenção da doença consiste em praticar hábitos saudáveis. Assim, mantendo uma boa higiene bucal e reduzir ou não consumir bebidas alcoólicas e cigarros. A indicação também é consultar com um dentista ao menos uma vez por ano. A meta da Organização Mundial da Saúde é reduzir a incidência de câncer em cerca de 25% até 2025, por meio da prevenção.

Em concordância com estas diretrizes, o Governo do Paraná oficializou a campanha em todo o Estado em 2019.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

MAIS UMA MORTE

Após 28 dias desde os primeiros sintomas, morre 76º paciente

TRAGÉDIA

Carro carbonizado com dois corpos é encontrado na estrada do Guairacá

GRANDE APREENSÃO

Operação apreende 220 quilos de maconha em Guarapuava

Comentários