Equipe da PM é agredida ao conter manifestação em Guarapuava

Na manifestação, a PM prendeu dois jovens de 19 anos e um rapaz de 18 anos por desacato. Além disso, os bombeiros apagaram os focos de incêndio

Três pessoas são presas em protesto após agredirem policiais (Foto: Ascom/Polícia Militar)

*Reportagem com vídeo

Moradores protestaram nesse domingo (1) em Guarapuava. O motivo foi a morte de um menino vítima de atropelamento no dia 14 de outubro no bairro Boqueirão. O menino andava de bicicleta quando um carro o atropelou. No entanto, conforme a Polícia Militar, a equipe recebeu diversos relatos de que as pessoas estariam ateando fogo em materiais no meio da rua. Além disso, impedindo a circulação de veículos e cobrando o que a PM coloca como “uma espécie de pedágio”.

A manifestação ocorria na rua Eduardo Chaia. Segundo informações policiais, logo na chegada ao local, a equipe constatou que um homem de 26 anos estaria motivando a população a investir contra a PM. O homem desacatou a equipe. Assim, foi abordado e detido.

Nesse momento, a equipe que estava no local entrou em contato com os manifestantes, com o intuito de estabelecer contato com um dos representantes da manifestação. Mas, de acordo com a PM, os policiais foram ofendidos. Além disso, algumas pessoas teriam arremessado pedras, bolas de gude e outros objetos. Também teriam soltado foguetes na direção das equipes. Assim, um dos foguetes atingiu uma das residências da rua.

INTERVENÇÃO

Nesse momento, a PM solicitou a intervenção das equipes Choque e Rotam. Chegando lá, os policiais utilizaram de granadas e munições de impacto controlado para tentar conter aqueles que agrediram a PM. Em determinado momento, algumas pessoas acabaram empurrando e chutando os policiais, que utilizaram de spray de pimenta.

Um dos agressores foi identificado como um homem de 29 anos, ele foi detido. Após acalmar toda a situação, a PM solicitou o apoio do Corpo de Bombeiros para acabar os focos de incêndio. Além disso, dois jovens de 19 anos e um rapaz de 18 foram presos por desacato. Por fim, os policiais os prenderam e encaminharam à 14ª SDP.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ATENÇÃO

Está em vigor em Guarapuava 'toque de recolher' estadual

ALERTA

Municípios da 5ª Regional registram novos casos suspeitos de Dengue

HOMENAGEM

Cortejo a George Karam vai sair da Capela Cristo Rei em Guarapuava

Comentários