Homem agride esposa e prima e quebra janelas de residência

O agressor quebrou duas janelas de vidro da casa e entrou na residência para agredir a mulher até conseguir o celular

Homem agride esposa e prima e quebra janelas de residência (Foto: Reprodução/Pixabay)

Um homem foi preso após agredir a esposa, danificar a residência onde moram e agredir um policial. De acordo com a PM, a equipe se deslocou até a rua João Maria Cabral Domingues, no bairro Jardim das Américas, para atender uma ocorrência de violência doméstica. No local a equipe não localizou a vítima e nem o autor. No entanto, os vizinhos relataram que após as agressões o autor e a vítima saíram da casa.

Quando a equipe estava indo embora do local, recebeu uma nova chamada informando que o homem retornou a casa e estaria agredindo uma segunda vítima, uma mulher de 32 anos. Ela reside no terreno aos fundos da residência do agressor.

ENCONTRANDO O AGRESSOR

Quando a PM retornou ao endereço encontrou o homem de 24 anos. Os policiais o abordaram, mas ele estava agressivo e socou o rosto de um policial. Além disso, tentou acertar chutes na equipe. No momento, a mulher de 32 anos que estava sendo agredida se apresentou e relatou que é prima do agressor e que viu ele agredindo a esposa.

Ela também informou que o homem bateu na porta da residência onde ela mora exigindo que la entregasse o celular para ele. De acordo com as informações, o agressor quebrou duas janelas de vidro da casa e entrou na residência para agredir a mulher até conseguir o celular.

Enquanto a equipe estava encerrando o atendimento, compareceu na casa uma jovem de 23 anos que é a mulher do agressor. Ela apresentava hematomas no rosto e nos olhos. Diante da situação, o homem foi preso e conduzido à 14ª SDP.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

BOLETIM COVID

HSV confirma 90% de ocupação de leitos de UTI privados da covid-19

ENSINO SUPERIOR

Vestibular da Unicentro segue com inscrições abertas até 4 de fevereiro

IMUNIZAÇÃO

5ª Regional receberá 79.200 unidades de insumos da vacina contra covid-19

Comentários