Inmet divulga alerta de possível tempestade para Guarapuava

A previsão é que uma possível tempestade chegue a Guarapuava no início da tarde. Podem ser registradas quedas de granizo, trovoadas e fortes ventos

Podem ocorrer tempestades, queda de granizo, ventos fortes e trovoadas (Foto: Larissa Ortiz/RSN)

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou nas primeiras horas da manhã desta quinta (16), um alerta laranja de uma possível tempestade em Guarapuava. Diversos outros municípios do Paraná também podem ser atingidos pela chuva nas próximas horas.

De acordo com as informações do instituto a previsão é de chuva entre 30 e 60 milímetros por hora. Além disso, podem ser registrados ventos intensos e as rajadas podem ser entre 60 e 100 Km/h. Pode ocorrer ainda, queda de granizo. Os meteorologistas, ainda alertam para risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos.

Em Guarapuava, a previsão é de que a chuva comece no início da tarde. Mesmo com a possibilidade de chuva, as temperaturas podem chegar a 30°C. Em Pinhão, Prudentópolis, Candói e Irati a previsão também é de chuva forte.

Já na sexta (17), em Guarapuava e nos municípios da Região, as temperaturas ficam amenas e não deve chover. Ainda conforme o Inmet, o fim de semana deve ser tempo firme. As pancadas de chuva retornam à Região somente na segunda (20).

(Imagem: Reprodução/Inmet)

ORIENTAÇÃO

O Inmet orienta que em caso de rajadas de vento, a população não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas. Além disso, não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

Ainda, pede que se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Qualquer dúvida ou problema, os moradores podem entrar em contato com a Defesa Civil  pelo 199 ou com o Corpo de Bombeiros pelo 193.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CRIME AMBIENTAL

Aplicação de inseticida mata abelhas em comunidade em Turvo

AJUDA URGENTE

'Vidas por Vidas' faz rifa solidária para não fechar as portas

TURISMO RELIGIOSO

Caminho da fé: estações da Via Sacra estão em fase final de construção

Comentários