Mulher tem corpo queimado com gasolina durante assalto em Pitanga

A mulher de 48 anos foi assaltada quando voltava da casa do sobrinho, no bairro Alto da Colina. Os ladrões roubaram o celular e atearam fogo no corpo dela

Mulher tem corpo queimado com gasolina durante assalto em Pitanga (Foto: Arquivo/RSN)

Uma mulher de 48 anos foi assaltada e teve o corpo queimado pelos ladrões em Pitanga. De acordo com a Polícia Militar, o roubo foi nesse domingo (12), no bairro Alto da Colina, próximo ao estádio. Assim, conforme a vítima que foi atendida com queimaduras no Hospital São Vicente de Paulo, ela voltava da casa do sobrinho, quando foi abordada.

De acordo com a vítima, uma mulher e três homens a cercaram e exigiram dinheiro. Em seguida, um dos ladrões tomou o celular da vítima, e afirmou que se ela gritasse eles a matariam. Conforme ela, um dos ladrões jogou algo parecido com gasolina em seu corpo e ateou fogo. A mulher sofreu queimaduras por quase todo o corpo.

Ela foi socorrida pelo filho e pelo marido logo em seguida. A vítima informou que a mulher que estava com os rapazes era conhecida, e morava perto de um bar. Informou ainda que desconhecida o motivo da agressão. A equipe policial foi até a rua Fernando Amaro, no bairro Alto da Colina, e no bar a dona do estabelecimento disse que a acusada morava em uma das casas ao lado.

Entretanto, conforme a PM, a moradora não foi encontrada. Durante diligências, às 11h30 a mulher de 39 anos foi localizada. Ela negou envolvimento no assalto, que terminou com queimaduras no corpo da vítima. Em busca na residência, os policiais encontraram no telhado de uma casa de madeira em frente da residência da suspeita, um galão transparente de 5 litros vazio, com forte cheiro de gasolina. A mulher foi encaminhada para a 45ª DRP para esclarecimentos e demais procedimentos.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Comentários