Números estáveis exigem que o isolamento social continue, diz Goes

Segundo Goes, são 120 casos monitorados, outros 76 descartados, 107 liberados, quatro sendo investigados. Caso confirmado permanece apenas um

 Celso Goes atualiza as ações para o combate do novo coronavírus (Foto: Reprodução/Facebook)

A Secretaria Municipal de Saúde mostra, mais uma vez, que os números do coronavírus em Guarapuava continuam estáveis, segundo o secretário Celso Goes. Agora são 120 casos monitorados, outros 76 descartados, 107 liberados, quatro sendo investigados. Caso confirmado permanece apenas um.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Celso Goes, isso não significa que as pessoas podem deixar a preocupação de lado. “Pelo contrário, só estamos estáveis por causa do isolamento social e das medidas preventivas que estamos tomando. Por isso, continuo pedindo: fiquem em casa e só saiam em casos de extrema necessidade”.

Prefeito Cesar Silvestri Filho (Foto: Secom/Prefeitura)

O pedido feito pelo secretário é corroborado pelo comitê técnico da área de saúde. De acordo com o prefeito Cesar Silvestri Filho, essa equipe é composta por profissionais de diferentes especialidades para orientar decisões com base técnica e científica sobre o coronavírus.

Conforme o prefeito, o comitê se reuniu nesta segunda (13) e chamou a atenção, principalmente, para a utilização de máscaras. “Algumas pessoas ainda estão saindo às ruas sem usar a máscara, o que prejudica não só ela, mas toda a sociedade. Precisamos ampliar o uso, a população precisa entender que é uma recomendação fundamental para continuarmos reduzindo a velocidade de propagação da doença aqui em Guarapuava”.

álcool gel nas carrinhos de supermercado também é prioridade (Foto: arquivo/RSN)

APELO

Outro apelo que vem sendo feito é para que o consumidor auxilie na fiscalização do comércio, exigindo álcool gel; cobrando o distanciamento; observando ser os funcionários estão usando máscaras e evitando aglomerações.

Conforme disse o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta nesta segunda (13), maio e junho serão os meses mais difíceis no enfrentamento ao coronavírus no país.

Outra discussão da equipe envolve o pedido de empresários e religiosos  sobre a reabertura de academias e cultos/missas.  Segundo o prefeito, o Comitê irá elaborar um documento com as regras de distanciamento social e especificamente nesses ambientes destacados. A publicação do documento será ainda nesta semana.

ESTRUTURA

Para fazer frente ao possível avanço do coronavírus, o secretário municipal de Saúde amplia o quadro de funcionários. Nesta segunda 913), foi aberto chamamento público para a contratação temporária de médicos, profissionais de enfermagem com nível superior e técnico.

Além disso foram comprados 12 monitores paramédicos para as unidades de pronto atendimento e hospitais da cidade. Há também o edital para 500 pessoas atuarem com o cadastro da saúde no município.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

MAS NÃO MUITO!

Fim de semana fica um pouco mais quentinho em Guarapuava

AGILIDADE

Polícia Civil recupera joias de ouro roubadas em Guarapuava

ALERTA

Acidentes com pipa em Guarapuava aumentaram durante quarentena

Comentários