Homem tenta matar esposa e é preso com armas e munições em Candói

O homem alcoolizado tentou matar a esposa com uma faca e depois deu dois tiros com revólver. Ele foi preso com quatro armas e munições de calibres variados

Homem tenta matar esposa e é preso com armas e munições em Candói (Foto: Ascom/Polícia Militar)

Um homem foi preso após agredir e tentar matar a mulher em Candói. Além disso, ele teve apreendida várias armas e munições De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada às 2h da madrugada desta segunda (6) pela irmã da vítima. Ela disse aos policiais que a irmã foi até sua casa pedindo socorro, já que o marido havia tentado matá-la com uma arma.

Conforme a PM, o marido que não teve a idade informada foi abordado próximo da residência. Aos policiais ele disse que tinha ingerido bebida alcoólica na Localidade de Cachoeira, e que deu dois tiros para o alto. Ele levou os policiais até o local onde havia escondido a arma, um revólver Rossi calibre 22 com duas munições deflagradas e cinco intactas.

ARMAS

De acordo com o boletim de ocorrência, ele foi preso. Na casa dele, a mãe do agressor que vive com o casal, relatou que o filho tinha mais armas na residência. Assim, a mulher entregou para a equipe uma espingarda calibre 32 e uma pistola calibre 36 e mais 12 munições de calibre 22 intactas e cinco deflagradas. Além disso, foram apreendidas 14 munições calibre 32, sete munições calibre 36 intactas e uma deflagrada.

Na casa também havia um recipiente com pólvora, espoleta e chumbo para recarga de calibres 28 e 32, e ainda uma espingarda de pressão 5.5. Na casa onde a vítima estava escondida, a mulher disse que o marido chegou alcoolizado e forçou que ela ingerisse bebida alcoólica. Conforme a mulher, ela ingeriu um pouco de cerveja e jogou o restante na pia.

Entretanto, de acordo com a vítima, a atitude irritou o marido que a pegou pelo cabelo e com uma faca começou a ameaçá-la dizendo que iria matá-la, e em seguida tirar a própria vida. A esposa conseguiu escapar do agressor e se trancou no quarto. Mas, conforme relato feito aos policiais, o marido pegou um revólver e deu dois tiros.

A mãe do agressor então tentou acalmar o filho, e nesse momento a mulher conseguiu fugir com o filho de três anos para a casa de sua irmã para pedir ajuda. Por fim, o homem, as armas e as munições foram levados para a 14ª SDP.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ELEIÇÕES

Candidatura de João Michalichen Neto é indeferida em Prudentópolis

MISTÉRIO

Filha do prefeito de Laranjeiras, Berto Silva, continua desaparecida

ACIDENTE NA BR-373

Acidente interdita a BR-373 em Prudentópolis nesta segunda

Comentários