PM registra aumento de mais 270% em ocorrências de perturbação

A PM de Guarapuava afirmou que somente em março e abril atendeu 287 ocorrências do gênero. A primeira quinzena de maio já registra aumento de 194%

PM já atendeu 287 ocorrências de perturbação do sossego (Foto: Arquivo/RSN)

assessoria de comunicação do 16º BPM divulgou um balanço que mostra que denúncias de perturbação do sossego aumentaram consideravelmente durante o isolamento social. Conforme os dados da PM, no mês de março houve acréscimo de 274,67% em relação ao ano de 2019.

Já no mês de abril os registros mostram um aumento ainda maior de 322,03%. Além disso, a primeira quinzena de maio já acumula o crescimento de 194,29%.

Em 2019, a PM registrou os seguintes dados:
Perturbação do Trabalho ou Sossego Alheio
Março: 43
Abril: 40
Maio: 18

Perturbação da Tranquilidade
Março: 32
Abril: 19
Maio: 17

Já em 2020:
Perturbação do Trabalho ou Sossego Alheio e da Tranquilidade
Março: 149
Abril: 138
Maio: 47

Perturbação da Tranquilidade
Março: 57
Abril: 52
Maio: 21

PROBLEMAS

Ainda conforme as informações divulgadas pela polícia, o aumento significativo nas ocorrências de Perturbação do Sossego e da Tranquilidade (art. 42 da LCP), prejudica a aplicabilidade das viaturas no atendimento de ocorrências de maior gravidade.

Além disso, esse tipo de ocorrência geralmente causa aglomeração de pessoas, com o consumo excessivo de bebida alcoólica, o que contribui para que essas situações sejam de maior complexidade, além do descumprimento da medida sanitária preventiva (art.268 do Código Penal).

A assessoria explicou que a pessoa em flagrante delito por perturbação do sossego ou trabalho, será encaminhada para elaboração do Termo Circunstanciado, e o equipamento de som será apreendido, o que causará implicações perante justiça.

OCORRÊNCIA

As ocorrências de perturbação de sossego com aglomeração de pessoas continuam marcando os boletins diários da Polícia Militar em Guarapuava. Depois de flagrar uma live com 50 pessoas no fim de semana e levar para a delegacia seis pessoas, a PM voltou a encontrar uma festa em Guarapuava. Na madrugada desta quarta (20), 30 pessoas comemoravam o aniversário de um amigo quando a polícia foi acionada.

De acordo com a PM, desta vez, a ocorrência foi no bairro Vila Carli. Conforme as informações da polícia, cerca de 30 pessoas faziam algazarra enquanto bebiam juntas em um prédio na rua Saldanha Marinho. Ao perceber a aproximação da equipe, todos correram e se dispersaram em todas as direções. Diante disso, os policiais deram voz de abordagem a um jovem no estacionamento.

Porém, ele tentou fugir novamente, mas foi alcançado pelos policiais e identificado. O rapaz de 21 anos disse a polícia que era o organizador da festa. Além disso, explicou que seria a comemoração do aniversário de um amigo. Uma idosa de 70 anos quis representar contra o rapaz, que foi detido e encaminhado para o 16º BPM para confecção de termo circunstanciado.

Por fim, a Polícia Militar reforçou que, vivemos em sociedade, e esta é regida por regras, as quais impõem limitações e como instituição defensora dos direitos dos cidadãos, mantenedora da lei e da ordem. Assim, a PM está disponível nas 24 horas do dia, todos os dias da semana por meio do telefone 190 a fim de garantir a ordem social.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CONQUISTA

Começam as obras da ala de Radioterapia do HC em Guarapuava

SEGURANÇA NO CAMPO

Patrulha Rural é reativada na área da 1ª Cia do 16º BPM de Guarapuava

UTILIDADE PÚBLICA

Energisa divulga desligamento programado para Guarapuava

Comentários