Prazo para adotar Placa do Mercosul é adiado novamente

Proprietários de veículos terão mais seis meses para se adequar ao novo padrão

O novo modelo, de acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Foto: Agência de Notícias do Paraná)

O prazo para a implantação das novas placas do Mercosul nos veículos brasileiros foi adiado mais uma vez. De acordo com o Conselho Nacional de Trânsito, os estados e o Distrito Federal agora têm até o dia 30 de junho de 2019 para se adequar ao novo padrão.

Este é a quinta vez que a adoção da placa no Brasil é adiada, desde 2014, quando foi anunciada a unificação do sistema de identificação dos veículos. O padrão já está sendo usado na Argentina e no Uruguai e em alguns estados brasileiros, porém muitas unidades do Departamento de Trânsito (Detran) pelo país ainda não começaram a implantar o modelo.

O Detran do Paraná iniciou as mudanças a partir do dia 17 de dezembro. Na última mudança no cronograma da adoção das placas do Mercosul, elas deveriam começar a ser utilizadas em todo o Brasil até o final de dezembro de 2018, com diferentes dias de prazo para cada estado. A data para o Paraná era até o dia 24 de dezembro. Agora todos os veículos no país têm mais seis meses para se preparar para a mudança.

QUEM PRECISA TROCAR

As novas placas só precisam ser adotadas em casos de primeiro emplacamento e de mudança de município ou de dono do veículo.

Relacionadas

DENUNCIE

No Brasil, uma mulher é vítima de assassinato a cada nove horas

LUTO

Morre o jornalista Fernando Vannucci aos 69 anos em São Paulo

LUTA ANTI-RACISTA

No Dia da Consciência Negra e no ano todo a luta é por igualdade racial

Comentários