Saúde recepciona novos médicos e orienta sobre atendimento humanizado em Guarapuava

Agora são 29 médicos, mas meta é atingir 40 profissionais

A Secretaria Municipal de Saúde está recepcionando os 14 profissionais oriundos do Programa Mais Médico, um a mais do previstoque atuarão nas unidades básicas de saúde em Guarapuava. O encontro ocorreu em um dos auditórios do Centro Universitário Campo Real. A receita para os profissionais que atuarão na atenção básica é a prevenção e, como um todo, o atendimento humanizado.

(Foto: Cristina Esteche/RSN)

Coordenado pelo secretário Celso Góes, a acolhida aos novos profissionais, inclui a parte técnica da atuação. Agora, a população que precisa da saúde pública conta com mais 29 profissionais, mas a meta é atingir a contratação de mais de 40 médicos, incluindo as contratações após o Processo Seletivo Simplificado e o concurso público que será realizado neste ano, com seis vagas. De acordo com Celso Góes, a meta é “cobrir” o atendimento na cidade e no interior.

“Hoje temos 32 unidades de saúde, incluindo as UBS e outras duas de pronto atendimento”. No processo seletivo simplificado foram ofertadas 43 vagas para cargas horárias de 20 e 40 horas. Para a primeira opção, das 11 vagas abertas, seis foram preenchidas, mas ainda há a expectativa de que outros profissionais sejam contratados, já que o prazo para as habilitações ainda está aberto. Para as 40 horas, das 19 vagas ofertadas, nove foram preenchidas. Outras 10 ainda estão disponíveis.

(Foto: Cristina Esteche/RSN)

Segundo Góes, com os números apresentados,  que hoje é de 59 médicos somente para a atenção básica, Guarapuava vive um divisor de águas na área de saúde, com atendimento humanizado. “Nunca Guarapuava contratou tantos médicos, pois o nosso foco é a população. Desde que ‘arrombei’ as portas da saúde, todos são recebidos, principalmente, a população”. O que o secretário quis dizer é que todas as demandas e reclamações oriundas das UBS chegam ao gabinete.

“Portanto, o atendimento tem que ser eficiente, humanizado”, enfatizou o secretário aos novos profissionais, dos quais 13 são brasileiros e um cubano, com revalida (teste de capacitação profissional que legaliza a atuação profissional de estrangeiros no Brasil).

*Matéria atualizada às 14h39 para a inclusão de novas informações

Relacionadas

PANDEMIA DA COVID-19

Guarapuava registra 92 novos casos de covid-19 e governador faz apelo

VAMOS ESTUDAR?

UniGuairacá promove simulado gratuito para o Enem

ADOTE E FAÇA O BEM

Crianças enviam cartinhas emocionantes para Papai Noel dos Correios

Comentários