Três mulheres são vítimas de agressões de seus esposos nas últimas horas

Em uma das situações um homem, inconformado com o fim do relacionamento, feriu duas pessoas da família da mulher com um facão

As três mulheres denunciaram os maridos (Foto: Arquivo/RSN)

É normal. Infelizmente. Com a chegada do inverno, as ocorrências de violência doméstica, voltam a encher os boletins policias. Há quem atribua o fato, ao maior tempo dentro de casa outros apostam que a violência é resultado do aumento do consumo de bebida alcoólica. Eu, pessoalmente, atribuo a falta de empatia, amor e ao excesso de covardia.

De acordo com a PM, a primeira ocorrência registrada ontem (16), foi em plena luz dia, por volta das 15h30. Uma mulher de 31 anos chamou a polícia após ser agredida e ter o carro danificado pelo esposo de 48 anos, no bairro Santa Cruz. O agressor teria fugido com uma arma, conforme a mulher. Ele foi encontrado momentos depois em uma estrada rual às margens da BR-277, mas a arma não foi localizada. Ele foi preso.

Já durante a madrugada deste domingo (17), a agressão foi no bairro Morro Alto, onde uma idosa de 62 anos contou que estava em um bar jantando com os amigos, quando iniciou uma discussão com o marido, 55 anos.

Eles seguiram para a casa, e entraram em luta corporal, quando a mulher foi agredida com um soco no rosto. Aos policiais, o homem disse que apenas revidou um tapa que a esposa tinha dado no rosto dele. Além disso, a PM constatou que a mulher já tem medida protetiva conta o marido, porém não estava cumprindo. Ele também foi preso.

REGIÃO

E engana-se quem pensa que violência doméstica é coisa de cidade grande. Ontem, em Cantagalo, uma mulher desistiu de denunciar seu agressor. Além disso, uma mulher de 42 anos foi agredida em Pinhão, após tentar terminar seu relacionamento com um jovem de 22 anos.

De acordo com a PM, foi encontrado um homem de 22 anos ferido por arma branca, logo depois disso, uma mulher de 42 anos se identificou como esposa dele e disse que no último dia 15 ele ameaçou de morte ela e o filho dela. Nesta data, o companheiro ainda tentou asfixiar a mulher.

Desse modo, ontem (16) o cunhado da vítima foi conversar com o jovem a fim de convencê-lo sobre o fim do relacionamento. Assim, o diálogo não teve sucesso, e o agressor tentou levar, à força, a companheira do local. Após uma breve discussão, o suspeito encontrou um facão e partiu para cima do cunhado da vítima, que ficou ferido no braço.

Depois disso, ele tentou atingir a mulher, mas o filho dela, de 17 anos, interveio. O adolescente ficou machucado. Durante a briga, o agressor também ficou ferido. O homem foi preso depois de atendimento médico.

Leia outras notícias no Portal RSN.

 

Relacionadas

DIA DA ÁRVORE

Instituto Água e Terra desenvolve ação para o Dia da Árvore

COMBATENDO O TRÁFICO

Jovem com pedras de crack na cueca é preso em Pinhão

EM PINHÃO

Homem é preso após entrar escondido na casa da ex-mulher

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com