Ator de Guarapuava conquista espaço no Rio de Janeiro

Alex Tietre (Foto: Divulgação)

O ator guarapuavano Alex Tietre faz uma carreira de sucesso no Rio de Janeiro. Ele deixou a cidade há sete anos, em abril de 2011, levando na bagagem a experiência acumulada durante o tempo em que atuou na Companhia de Teatro Arte e Manha, em Guarapuava. O agora também jornalista, deixa o palco e passa a atuar como diretor, roteirista e escritor. Atualmente, ele está dirigindo uma websérie chamada Audição, com crianças e adolescentes famosos, a maioria da Rede Globo. Audição deverá estrear em fevereiro de 2018, dirigido pelo guarapuavano e com atores da Malhação, A cara do pai, Valentins e outros.

Alex Tietre num momento de direção (Foto: Divulgação)

“Já dirigi dois documentários, um sobre a Saara do Rio de Janeiro, prêmio de melhor documentário da Semana de Comunicação da Faculdade Pinheiro Guimarães, e também dirigi um documentário sobre HIV e as Informações online”.

O passo mais ousado de Alex Tietre desde que ele decidiu sair de Guarapuava para encarar a arte na Cidade Maravilhosa, será dado em março de 2018  com a estreia do seu filme “Paixão por Nikity”, num dos cinemas do Rio de Janeiro. O filme traz Victor Aguiar, dos filmes Meus 15 anos e Tudo por um popstar;, Julia Simoura, da novela Cúmplices de um Resgate, e uma atriz de Guarapuava que ele prefere, por enquanto, não revelar o nome. “Também dirigi um curta pela Universidade Federal Fluminense, pelo curso de cinema e áudio visual, texto da peça teatral Inocência, de uma das melhores dramaturgas da atualidade, a alemã Dea Loher, que veio ao Brasil, acompanhou as filmagens e adorou o filme. E criei recentemente uma página profissional chamada Paratores, no Facebook e Instagram, que já está com quase seis mil seguidores). https://www.instagram.com/paratorescoach/

Alex Tietre e atores (Foto: Divulgação)

Dizendo não querer mais atuar, para se dedicar apenas a escrever roteiros e trabalhar na direção, Alex Tietre já encara desafios nessa área. Ele escreveu o roteiro de um longa que ainda não pode ser divulgado, pois encontra-se em processo de reuniões com uma produtora.

Como pode ser observado o trabalho de Alex Tietre não para. Ele também prepara atores de Tá no Ar, com estreia marcada para janeiro na Globo, emissora na qual é prestador de serviço como coach dos atores.

Cartaz do filme Sélavy Rrosé (Foto: Divulgação)

Antes, porém, o guarapuavano foi protagonista do filme, Sélavy Rrose – um refugiado, que teve exibição no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, no Festival de cinema 72 horas. “Também fiz participações em filmes e novelas; trabalhei em alguns comerciais, um deles tá sendo exibido em rede nacional atualmente, mas esses trabalhos não são mais a minha prioridade. Só trabalho como ator quando não tenho nenhum compromisso como diretor ou coach de atores”.

Mas o começo de tudo isso tem origem quando Alex Tietre quis mudar de vida. “Eu queria estudar e ter novas experiências. A Companhia [Arte e Manha] já trabalhava demais e quase não tinha tempo de estudar, falei primeiro pra Rita que estava planejando de estudar na Espanha, ela me deu o maior apoio. Mas logo depois fui convidado por uma diretora da Globo pra entrar no elenco de uma peça no Rio”. Alex Tietre diz que nunca tinha pensado em morar no Rio, mas as donas da Agência Désir conheciam meu trabalho nas convenções do Projeto Passarela, me viram dando aula, assistiram vídeos e peças de teatro que escrevi e dirigi, gostaram e me chamaram para uma experiência. Eu  já conhecia Niterói e topei por ser uma cidade próxima do Rio, mas com clima de cidade pequena”. Desde essa decisão já se passaram sete anos de uma carreira que cresce e que está sendo marcada por sucesso.

Comentários