Curta “Entes Paralelos” de produtor argentino é filmado em Guarapuava

O produto conta com a participação de profissionais da cidade na produção e na atuação do curta. "Entes Paralelos" é uma criação do argentino Isaac Huna

Curta “Entes Paralelos” tem cenas filmadas em Guarapuava (Foto: Divulgação)

*Reportagem com vídeo

Guarapuava se tornou cenário de filme nos últimos dias. Isso porque, o curta experimental e independente “Entes Paralelos” foi filmado na cidade. O projeto é uma criação do argentino Isaac Huna, com direção de oito profissionais brasileiros, divididos em seis estados do país. Com roteiro inovador, o drama/suspense surge em meio a pandemia de covid-19, passando por algumas limitações técnicas e profissionais.

Isso porque não é permitida aglomeração de pessoas e outras coisas que eram comuns em sets de filmagem. Além disso, o roteiro e a produção também são de Isaac. Algumas cenas de “Entes Paralelos” foram dirigidas pelo diretor e professor universitário guarapuavano Clerio Back. Além das cenas no município e do diretor, o curta também conta com participação de um ator de Guarapuava, Douglas Zanon, que interpreta o youtuber Bruno.

De acordo com Douglas, esse foi um momento diferente para a carreira, já que não trabalhou muitas vezes em Guarapuava, mesmo sendo daqui. “Gravamos cenas na Lagoa das Lágrimas. Mesmo com o frio da cidade, a movimentação despertou curiosidade em quem passava por ali, as pessoas se aproximavam para perguntar e tentar entender o que estava ocorrendo. Por isso, convido todos para que assistam nosso trabalho que será lançado em outubro”. Em Guarapuava, a produção contou com Pedro Neto como assistente de produção e drone e Tom Gonçalves como assistente de produção, cena e som.

(Foto: Divulgação)

PARCERIAS

Essa é a primeira produção do canal Frame Latino, e em parceria com as produtoras: SLK Comunicação (RJ), Dream Factory Films (SP), Fraga Filmes (SP), Primeiro Olho Filmes (SP), Inspira Filmes (GO), Núcleo Vídeo Produções (PR), Arterio Produções (PR), Mundi Imagem/Conteúdo Digital (PA).

O ator Ricardo Duarte, que participou da produção, comenta que a experiência foi cansativa, mas valeu a pena todo o trabalho. “Foi um processo longo, mas espero que as pessoas gostem muito do resultado”.

Para um dos diretores, Tomires Ribeiro, que cuida da fotografia do filme, esse é um produto audacioso. “É um prazer trabalhar com grandes nomes, são 11 atores, oito diretores de diferentes estados. Eu agradeço pela oportunidade, vai ser um resultado lindo e muito legal”. Veja abaixo vídeo de depoimentos de equipes do curta.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

PREMIAÇÃO

Artigo da Unicentro sobre turismo é premiado em fórum internacional

É DIREITO!

População LGBTI+ tem acesso a serviços socioassistenciais

TORNANDO SONHOS REAIS

O sonho de Márcio pode se tornar real, ajude participando da Vakinha on

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com