Entre janelas estreia nesta sexta (31) no Sesi em Guarapuava

Espetáculo gratuito começará às 16h no Sesi

Entre janelas (Foto: Divulgação)

Como uma criança pode conviver com a tecnologia sem esquecer valores universais como a amizade? Ingressar no mundo virtual sem deixar de interagir com o seu derredor? Essas são algumas das questões que o espetáculo infantil “Entre Janelas” suscita de forma simples e leve. A peça, que já foi apresentada em diversas cidades do interior do Paraná por iniciativa do Sesi Cultura, chega a Guarapuava nesta sexta feira (31) e será mostrada no Teatro do Sesi, às 16h. A entrada é gratuita, com a opção de ingresso solidário e a doação voluntária de um quilo de alimento não perecível. Entretanto, o ingresso deverá ser retirado até 30 minutos antes do início do espetáculo, na própria entidade, na Rua Coronel Lustosa, 1736.

Inspirado no livro “Uma Janela Entre dois Amigos”, do mineiro Gustavo Gaivota, o espetáculo é uma produção da Cia Tato e conta a história de um menino e seu melhor amigo: um cachorro chamado Pitu. A amizade é feita de brincadeiras no quintal e muito corre-corre. Certo dia, porém, o menino ganha um presente incrível, um computador. Na tela do laptop, ele abre várias janelas e pode ir a qualquer lugar sem sair de seu quarto. Do lado de fora, Pitu espera por um momento de brincadeira, mas seu companheiro agora não tem mais tempo, pois está muito impressionado com o seu novo amigo tecnológico. O menino terá então que descobrir uma forma de se reconectar ao velho companheiro.

Por meio de uma montagem lúdica e divertida, a peça visa promover uma reflexão sobre o lugar da tecnologia na vida das crianças. Para tanto, a Cia Tato mescla a linguagem de animação corporal com a pesquisa de construção de boneco de balcão. Para o desenrolar da trama, o grupo optou pela dramaturgia física – que não faz uso de palavras e tem a vocalização como exploração sonora e dramática. “Entre Janelas” já participou de importantes festivais, entre eles: Festival Internacional de Bonecos de Belo Horizonte, Festival Internacional de Teatro del Bio-Bio, no Chile, e Festival de Teatro para crianças em Recife.

Formada no ano de 2004, em Ouro Preto (MG), a partir da junção dos trabalhos de Dico Ferreira e Katiane Negrão, a Tato Criação Cênica, hoje sediada em Curitiba, desenvolve seu trabalho de pesquisa tendo como fio condutor uma dramaturgia essencialmente corporal, que busca  integrar as linguagens do teatro, consciência corporal, mímica, teatro de animação e criação sonora vocal  para comunicar e emocionar com simplicidade. Com atividades ininterruptas, a Tato já ultrapassou a marca de mil apresentações com “Tropeço”, cumpriu uma agenda de mais de 400 apresentações com “E Se…” e, com “Entre Janelas”, também já foi para importantes Festivais dentro e fora do país. O grupo já esteve em todos os estados brasileiros e outros dez países em três continentes.

 

Relacionadas

MÚSICA

Bruna Thimoteo lança o single 'A benção da travessia'

IMAGEM

Matysiak concorre ao 'Oscar da Fotografia' com foto polêmica

DANÇA

Bailarinos de Guarapuava participam de festival on-line

Comentários