Isaías Roberto lança autobiografia nesta quinta (12) em Guarapuava

Radialista desde os 28 anos de idade, Isaías conta nas páginas do livro a trajetória de vida desde a mocidade. Mente de locutor é a sua quarta obra

Isaías Roberto lança autobiografia nesta quinta (12) em Guarapuava (Foto: Jota Terres/RSN)

O comunicador Isaías Roberto lança hoje (12) o livro Mente de locutor: passos para se tornar um locutor de sucesso em pouco tempo. Para abrilhantar a noite de autógrafos, a equipe organizadora convidou os artistas Alaércio e Alex, Geovane Zonona e Edson Sá. Além disso, Alcione Ribas, Cláudio e Erivelton e, por fim, Roberto Küster.

Em sua quarta obra, Isaías conta nas páginas de seu livro a trajetória de vida desde a tenra idade. Diferente das autobiografias habituais, no livro dele, Isaías diz que o (a) leitor (a) irá encontrar dicas, macetes e orientações de como ser um locutor de sucesso.

Os interessados em ouvir uma boa música regional e ter um exemplar do livro, devem comparecer ao salão de eventos do Hotel Küster, a partir das 19h30 desta quinta (12). O hotel fica na rua Pres. Getúlio Vargas, 1635, bem no centro de Guarapuava. A entrada é de graça.

Vida e obra

No dia 7 de agosto de 1977 – exatamente às 7h – era inaugurada a TV Bandeirantes, antigo canal 7 do Rio de Janeiro. Tem quem acredite que o número sete seja o número perfeito. Muitos creem nisso já que ele está presente em muitos elementos. Sete dias da semana, sete cores do arco-íris, sete pecados capitais, sete notas musicais e assim por diante.

Neste mesmo dia – só que vinte anos antes – nascia em Irati, Isaías Roberto da Silva. Os numerólogos de plantão diriam que Isaías nasceu em um dia estratégico. Mesmo que isso tudo talvez seja papo furado, uma coisa é inegável: a arte de comunicar está intrínseca no DNA no locutor de Guarapuava.

O comunicador adotou o município de Guarapuava como a sua casa (Foto: Isaías Roberto/Arquivo pessoal)

Entretanto, Isaías cresceu em um mundo completamente diferente do atual. Internet? Mensagem instantânea? Spotify? Bom, aos desavisados, na década de 70 e 80 do século XX, para se ouvir música era necessário um aparelho de rádio ou uma vitrola. Assim, com todos aqueles botões analógicos, Isaías sintonizava as principais emissoras do país na época, Record FM, rádio Globo, Tupi FM e, tantas outras que embalavam os matinês juvenis.

Nos anos 80, os brasileiros viveram dias difíceis. O cruzeiro (moeda vigente na época) foi bruscamente desvalorizado em 30% no final de 1979. A medida acentuou a desaceleração econômica, o descontrole inflacionário e o desarranjo nas contas públicas. Em 1980, a inflação bate a simbólica marca de 100% ao ano.

Comício da campanha presidencial de Tancredo Neves ao colégio eleitoral, em 1984 (Foto: Reprodução/Biblioteca Nacional)

Carreira

E foi neste cenário, que Isaías foi atrás de emprego. A voz grossa e o sotaque típico da nossa Região são atributos dele até hoje. Mas, se engana aquele que pensa que Isaías despontou no rádio desde moleque. Foi mecânico automotivo, jogador de bola do Iraty Sport Clube e metalúrgico.

Por fim, aos 28 anos de idade, conseguiu uma vaga como repórter esportivo da rádio Difusora de Irati. De lá para cá, poucas e boas aconteceram em sua trajetória. Hoje aos 62 anos, o radialista tem cinco filhas e quatro netas. Apresenta os programas Pulo do Gato e A hora do xilindró na 92 FM de Guarapuava.

Além de comunicador, é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil e licenciado em Letras pela Unicentro. Ficou interessado (a) em descobrir os pormenores desta trajetória? Então já sabe, às 19h30 desta quinta (12), no salão de eventos do Hotel Küster.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CULTURA EM CASA

Centro Juvenil de Artes lança 2º Concurso Paranaense de Desenho

CUIDE-SE

O Boticário une o matcha e a quinoa para entregar um ritual de nutrição e purificação

LIVE

Henrique, Daniele e Tom trazem a importância da arte para debate

Comentários