Região Serrana: o turismo singular e multicultural do interior paranaense

Roteiro integrado exalta a riqueza dos municípios de Bituruna, Pinhão, Guarapuava e Prudentópolis

Bituruna (Foto: Divulgação)

Um roteiro que exalte as belezas naturais, a diversidade cultural, a gastronomia típica e o encanto interiorano da região serrana paranaense. Esses são os ingredientes que compõem o rico e excepcional roteiro turístico integrado entre os municípios de Bituruna, Pinhão, Guarapuava e Prudentópolis, que propõe dias de muita cultura e beleza, em um passeio pelas acolhedoras cidades.

Na rota, o conjunto de serras e vales profundos onde existem milhares de nascentes originárias do sistema aquífero Guarani é engrandecido. A formação de córregos, rios, açudes, de cachoeiras e saltos espetaculares são opções de encher os olhos.

No combo de belezas naturais, a presença da mata Atlântica e da mata de Araucária, símbolo do Paraná, estão presentes em grandes reservas, áreas de proteção ambiental e abrigam uma enorme biodiversidade que evidencia desde plantas endêmicas até a rica fauna. A onça parda, jaguatirica, porcos selvagens, pacas e outros animais silvestres, são enriquecedores da vida animal dessa complexa e rica região.

Além disso, a singularidade do roteiro integrado desses municípios oferece aos turistas o clima de montanha. O inverno característico, cria um típico ambiente convidativo com lareira, fogão a lenha, churrasco no fogo de chão, pinhão na chapa, rica cultura e gastronomia das etnias ucraniana, alemã, húngara, polonesa, italiana e tropeira.

Prudentópolis (Foto: Divulgação)

Para isso, dos quatro dias expostos no roteiro lançado pelas cidades, cada um destaca uma singularidade especial. A sugestão turística é começar pela cidade de Prudentópolis, que respira a cultura ucraniana e é amplamente agraciada com cachoeiras incríveis. Na cidade, visitas a museus, igrejas que são patrimônios artísticos e culturais paranaenses, monumentos, saltos, cafés coloniais e apresentações culturais folclóricas integram o primeiro dia da rota.

Em Guarapuava, é a vez da terra da cevada e da cultura eslavo-alemã. Passagens pelo distrito guarapuavano de Entre Rios percorrem o Museu Histórico Suábio e o Centro Cultural, contemplam a apresentação de um grupo folclórico suábio e um city-tour pelas cinco colônias da região, percorrendo os campos de trigo e cevada. São caminhos de encher os olhos. A visita a Mercearia Colonial Stoetzer e a parada obrigatória na Cervejaria Donau Bier, são as oportunidades esperadas por quem gosta de uma boa cerveja artesanal e da gastronomia eslavo germânica.

Guarapuava (Foto: Divulgação)

Para o terceiro dia, a cidade de Pinhão preparou o melhor do tropeirismo, com o merecido destaque para a cultura tropeira. No roteiro, visitas as produções de Artes em Madeira, passeio pelo Mirante do Morro do Monge João Maria, caminhada pelos jardins em Faxinal do Céu e muita história na passagem pelo Museu Tropeiro. Nos produtos coloniais da cidade, o destaque é para o queijo e o tradicional doce de abóbora.

Para fechar essa rota deliciosa pela região serrana paranaense, a cidade que acolherá os turistas com uma boa taça de vinho à sua espera é Bituruna. Esse é o momento esperado pelos amantes da cultura italiana, dos vinhos, dos queijos e salames se deliciarem. Na programação, a rota do vinho percorre as vinícolas municipais e presenteia os turistas com apresentações musicais no vale da cidade. A passagem pela maior estátua de Santa Bárbara do mundo e o café colonial, são os ingredientes que selam com chave de ouro a jornada pela serra paranaense.

Pinhão (Foto: Divulgação)

Também se encantou? Então não perca tempo. Os interessados em percorrer a recente rota regional devem contatar as agências de viagens de cada município para fechar o pacote. Prestigie a Região Serrana do Paraná e se encante ainda mais com a riqueza cultural paranaense.

Relacionadas

NO CAMINHO DE SÃO FRANCISCO

Amantes da natureza terão nova opção de aventura, em Guarapuava

REGIÃO

Caminhos e centros de fé: as igrejas e a religiosidade em Turvo

TURISMO

Da aventura à uma associação para descobrir lugares encantados em Guarapuava e região

Comentários