Viver a vida expõe em fotos a luta de mulheres contra o câncer de mama

Exposição está no Centro de Artes e Criatividade Iracema Trinco Ribeiro

(Foto: Secom)

Sonia Roth Bruger descobriu que tinha câncer quando fez o autoexame durante o banho. Quando se deparou com o nódulo logo foi procurar ajuda médica. Como o câncer estava no início, Sonia conseguiu se curar totalmente.

“Eu sempre ouço das pessoas ‘Deus me livre de descobrir que tenho câncer’. Esse é o primeiro erro. Não devemos ter medo de descobrir, pelo contrário, temos que descobrir o quanto antes para iniciarmos o tratamento e termos mais chances de cura total. A doença não faz parte de você, lute contra ela”.

A assistente social expôs toda a sua saga ao escrever o livro “Relatos de Fé – Como venci o câncer de mama”. O câncer de mama pode ser curado, caso haja o diagnóstico precoce.

A história de Sonia e de outras mulheres, unidas pela luta contra o câncer, decoram as paredes do Centro de Artes Iracema Trinco Ribeiro, a partir desta segunda feira (1). A exposição realizada pelo Centro Oncológico do Hospital São Vicente com o apoio da Prefeitura Municipal tem como objetivo retratar a vida das mulheres que lutam diariamente contra essa doença.

Público na abertura da exposição (Foto: Secom)

De acordo com a secretária de Políticas Públicas para as Mulheres, Priscila Schran, o foco neste Outubro Rosa é fortalecer os serviços públicos de acesso à prevenção para as mulheres e criar um fluxo de atendimento às que precisam. Além disso, será organizada uma comissão para estudar os casos em que houve mortes no município. Só neste ano, onze mulheres faleceram por conta do câncer de mama e do câncer do colo de útero.

“Nosso foco principal é reduzir o índice de mortes por câncer de mama e câncer do colo de útero em Guarapuava”, disse a secretária.

A exposição segue até o dia 11 de outubro, no Centro de Artes Iracema Trinco Ribeiro. A visitação pode ser feita de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30. A entrada é gratuita. O Centro de Artes Iracema Trinco Ribeiro fica na Rua Marechal Floriano Peixoto, 1399, no Centro de Guarapuava.

Relacionadas

PÉ NO PEDAL

Dois guarapuavanos perdidos pelo mundo sobre duas rodas

COLOMBIANA

Colombiana quer conhecer o mundo com Scooter 125 cc

NA CAPITAL

Para recordar memórias, guarapuavanos promovem reencontro em Curitiba

Comentários