Adolescente grávida desiste de denunciar agressões em Guarapuava

Ela disse que o marido subiu na barriga dela. A grávida conseguiu fugir para casa do pai. Mas na delegacia, ela desistiu de representar contra o marido

(Foto: Reprodução/Pixabay)

Uma adolescente de 16 anos pediu ajuda na noite dessa terça (16) pois teria sido agredida pelo marido, de 25 anos. Ela está grávida de seis meses e o agressor teria subido na barriga dela. De acordo com a PM, quem acionou as equipes foi o pai da vítima.

Ela conseguiu fugir para a casa dele, onde pediu ajuda. Desse modo, os policiais acompanharam a adolescente até a casa, onde o homem de 25 anos, autorizou a entrada dela para retirar os pertences.

Ainda conforme as informações da polícia, a jovem não possuía ferimentos aparentes. Já o marido dela, tinha sinais de mordidas nos ombros e na barriga e arranhões no braço. Mesmo sendo agredida, na delegacia, a jovem desistiu de representar contra o agressor.

VIOLÊNCIA

Ainda na tarde de ontem (16) uma jovem de 20 anos também acionou a polícia após receber ameaças do sogro de 53 anos. De acordo com ela, o homem embriagado tentou a agredir com uma barra de ferro. Ela disse ainda, que já foi esfaqueada pelo homem anteriormente.

No local, a PM encontrou o homem que desacatou os policiais. Ainda de acordo com o boletim policial, ele precisou ser algemado e colocado na viatura, já que tentou fugir em meio uma mata nos fundos da residência. Por fim, foi informado de que os filhos do homem também teriam sido agredidos na ocasião.

Na delegacia, o homem continuou desacatando os policiais dizendo “que isso não iria ficar assim, que logo acharia a equipe na rua sem farda”.

RIO BONITO DO IGUAÇU

Um homem de 55 anos também foi preso em Rio Bonito do Iguaçu. Ele teve uma briga com a esposa no último domingo (14), e retornou apenas na tarde de ontem (16). Na casa dele a polícia encontrou uma carabina calibre 22 embaixo de um colchão.

Conforme a polícia, a esposa dele carregava as munições dentro de um recipiente na bolsa. Ela disse que tirou a munição pois estava com medo das ameaças do marido em outras ocasiões. Ele foi preso e levado para a 2ª SDP.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ELEIÇÕES 2020

Coligação ‘Por Você’ registra candidaturas

NOVOS CASOS

Saúde confirma dois novos casos de covid-19 em Guarapuava

RIQUEZA DO CAMPO

Produção de cevada pode crescer 11% este ano no Paraná

Comentários