Adolescente tenta entrar na PIG com maconha nas partes íntimas

Visitante de 17 anos teve a carteirinha retida e a visita restringida por seis meses

Uma adolescente de 17 anos que faria visita a um preso na Penitenciária Industrial de Guarapuava (PIG) foi descoberta na manhã desse domingo (31) com maconha dentro do corpo.
Durante o procedimento de revista nas visitas aos presos, foi detectada pelo aparelho Body Scan – que faz um raio-x do corpo dos visitantes – uma porção de 18 gramas de maconha nas partes íntimas da mesma.

Segundo os policiais, ao ser descoberta a menor retirou espontaneamente o invólucro com a droga embrulhada. O diretor da PIG, Renato Silvestri, afirmou que por ser menor, ela não poderia ser presa, “mas teve a carteirinha retida e terá a visita restringida por seis meses”.

(Foto: Reprodução/Body Scan)

Em Ponta Grossa, três mulheres foram flagradas com drogas nas partes íntimas quando tentavam entrar na Cadeia Pública Hildebrando de Souza. Elas fariam visitas a presos neste domingo (31) e também foram descobertas com a ajuda do Body Scan. Pelo aparelho, os agentes descobriram que as mulheres guardavam invólucros de droga dentro do corpo.

Maconha estava escondida nas partes íntimas das mulheres (Foto: Divulgação)

Relacionadas

AGRONEGÓCIO EM ALTA

Valor do bruto da produção agrícola de Guarapuava supera R$ 1 bi

AUMENTOU

Guarapuava confirma 53 novos casos de covid-19

BOA SAFRA

Safra de verão deve colher 24 milhões de toneladas no Paraná

Comentários