Aldo Bona já fala em possível pré-candidatura a prefeito de Guarapuava

Decisão porém, ainda depende de uma conversa com o governador Carlos Massa Ratinho Junior agendada para a próxima semana, segundo Bona

O superintendente da Seti, Aldo Bona (Foto: Divulgação)

Eu diria que estou conversando sobre isso no Governo do Estado. Na próxima semana vou me reunir com o governador para tomar uma decisão.

A afirmação foi feita pelo superintendente de Ciência Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona ao Portal RSN, nesta quinta-feira (12). E acena com a possibilidade de uma pré-candidatura à sucessão do prefeito Cesar Silvestri Filho (Podemos) nas eleições deste ano.

Assim, Bona que já foi reitor da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) por dois mandatos consecutivos, poderá disputar a vaga no grupo liderado por Cesar Filho. É que o grupo já possui outros dois nomes na disputa e que ‘costuram’ apoios desde o ano passado. Trata-se do vice-prefeito e secretário de Obras e Turismo, Itacir Vezzaro, e o secretário de Saúde Celso Goes.

Entretanto, caso Bona aceite o novo desafio, terá que escolher entre continuar no PSD, partido liderado pelo governador Ratinho Junior, ou ir para o ‘Podemos’ que tem como líder estadual, o prefeito Cesar Filho.

“Essa é uma discussão que faz parte: ser candidato ou não e se for, por qual partido”. Todavia, isso não é um problema, já que poderá haver uma composição. Porém, Cesar Filho, já disse ao RSN que gostaria que o ‘Podemos’ encabeçasse a chapa majoritária.

O nome de Aldo Bona vinha sendo cogitado há muito tempo, mas ele sempre se esquivou. Entretanto, o seu nome passou a ganhar força nos últimos meses, quando começou a aparecer em ‘lives’ e ir até bairros e distritos de Guarapuava, segundo suas próprias postagens em redes sociais.

Dentro do grupo que administra o município, ele é tido como o primeiro na preferência de uma grande parcela. De acordo com Bona, toda a movimentação atual é consequência de conversas frequentes que vem tendo com Cesar Filho e dentro do próprio governo.

Sou um homem do governo e não faria qualquer movimentação sem que o governador estivesse sabendo.

Porém, a ampliação de competência da Seti, anunciada pelo governador nesta quinta (12), pode mudar os rumos. A superintendência poderá reconhecer, renovar e criar novos cursos de graduação. Porém, desde que não resulte em ônus para o Estado. Portanto, um novo desafio para quem está no comando da pasta.

Entretanto, certeza mesmo será no dia 31 de março. É que o governador decidiu que os integrantes do Executivo que pretendem disputar as eleições municipais de outubro devem deixar o governo até o fim deste mês. Por lei, quem ocupa cargo de secretário de Estado tem que se desincompatibilizar quatro meses antes da eleição, ou até 4 de junho.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

NOVOS CASOS

Seis novos casos de covid-19 são confirmados em Guarapuava

DESTAQUE

IPEC e Rede vão integrar consórcio internacional de pesquisa genômica

BAIRRO INOVADOR

'Cidade dos Lagos' atrai a atenção de investidores de várias Regiões

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com