Caminhão fica preso após calçada ceder em Guarapuava

O motorista subiu na calçada para descarregar materiais de construção

(Foto: Larissa Ortiz/RSN)

Um incidente chamou a atenção na manhã desta quarta (29) em Guarapuava. Um caminhão carregado com materiais de construção ficou com a roda presa em um buraco na calçada na rua XV de Novembro no Centro da cidade.

De acordo com testemunhas o veículo subiu na calçada para descarregar itens adquiridos para uma obra no local. Ao subir, a calçada cedeu deixando o veículo preso. Foi solicitado o auxílio da Companhia de Serviços de Urbanização de Guarapuava (Surg) para retirada do caminhão.

No local, a equipe do Portal RSN foi informada por funcionários da prefeitura que por conta de uma infiltração, em uma estrutura de jurisdição da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), teria possibilitado o acidente.

(Foto: Larissa Ortiz/RSN)

Em nota a Sanepar explicou que um fiscal esteve no local, acompanhado de um funcionário da Surg. E informou que a rede da Sanepar não passa pelo local.

“A roda do caminhão caiu dentro de uma galeria pluvial, construída em pedra (galeria de água da chuva, de responsabilidade da Surg) e, apesar de a imagem mostrar uma ‘tampa’ da Sanepar embaixo da cabine do caminhão (trata-se de um poço de visita), a calçada que cedeu fica em cima dessa galeria pluvial. A rede da Sanepar não passa por ali. Possivelmente a calçada cedeu por não suportar o peso do caminhão que, por outras fotos, verificou-se que estava carregado.

Uma equipe da Kammer, empreiteira que presta serviço à Sanepar, realmente estava ali bem próximo fazendo um conserto, mas esse conserto não tem ligação com o buraco e nem com o PV. Se vocês passarem por lá agora poderão ver vários funcionários da Surg com escavadeira trabalhando no local onde a calçada cedeu e o caminhão caiu”.

A Prefeitura de Guarapuava também se posicionou e disse que “segundo a Secretaria de Obras, o proprietário do estabelecimento na qual a calçada foi danificada deve entrar em contato com o proprietário da empresa ou do caminhão para reparação do dano. Caso tenha sido danificado algum bem de responsabilidade municipal, como galeria pluvial, o trabalho será feito. Segundo a Secretaria de Trânsito e Transportes, o motorista seria multado, caso, no momento, estivesse passando um agente de trânsito, pois estacionar naquele local é irregular”.

 

 

Relacionadas

LUTO

Morre o médico pediatra George Karam por complicações da covid-19

TRANSPARÊNCIA

Cesar Filho vai entregar a Prefeitura com superávit

EXPLOSÃO DE LUZ

Centro, bairros e distritos terão iluminação de Natal em Guarapuava

Comentários