Cantor leva a viola caipira a escolas da Região de Guarapuava

João Dalzoto, cantor e violeiro, levou a música em escolas de assentamentos em Rio Bonito do Iguaçu e em aldeias indígenas de Nova Laranjeiras

O sertanejo e violeiro, João Dalzoto (Foto: Reprodução/Youtube)

O cantor sertanejo João Dalzoto dedicou parte deste mês para levar a cultura da viola caipira  ao interior de dois municípios da Região. Assim, na última semana, o público alvo foram alunos do interior dos municípios de Rio Bonito do Iguaçu e de Nova Laranjeiras. As apresentações foram em escolas de acampamentos e de aldeias indígena.

De acordo com o cantor, que é natural de Rio Bonito do Iguaçu, atualmente mora em Cascavel para cuidar da sua carreira artística. Assim, sertanejo e tocador de viola, João Dalzoto já tem sucessos consagrados em rádios como a “Dança dos Vagalumes”, com mais de 1,2 milhão de visualizações no Youtube. Outros hits  como “Quarto à Direita”, “Banho Maria”, com a participação da dupla Jads e Jadson; e “Aí Que Nego Chora”, despontam no cenário musical.

E é com esta bagagem que o cantor esteve com alunos da Escola Itinerante Herdeiros do Saber, no acampamento Herdeiros da Terra, em Rio Bonito do Iguaçu, Em novembro de 2019 ele já tinha feito uma primeira visita à escola.

De acordo com  João Dalzoto ele pretende voltar em breve para dar continuidade ao projeto. “É de grande importância esse contato dos alunos com a música raiz”.

Ele também esteve em diversas aldeias e escolas em Nova Laranjeiras. “Eu nunca imaginei a proporção que essa iniciativa tomaria, pois de primeira mão visitei algumas escolas apenas para conhecer os alunos que eram fãs do meu trabalho”. 

A VIOLA CAIPIRA

Com influência das violas portuguesas, que tiveram como referências os instrumentos árabes, como o alaúde, as violas são descendentes diretas da guitarra latina.

De acordo com pesquisa feita pelo Portal RSN, as violas portuguesas chegaram ao Brasil e junto a outros instrumentos passou a ser usada pelos jesuítas na catequese dos indígenas.

Porém, tempos depois,  começou-se a construir violas com madeiras nobres da terra. Assim, europeus, negros, caboclos, cafuzos, mamelucos, entre outros, passaram a construir  instrumentos aqui. Entre eles a viola, que era já naquela época muito popular.

Entretanto, há várias denominações para o instrumento, dependendo da cultura local, utilizadas principalmente em cidades do interior:. São elas a  viola de pinho, viola caipira, viola sertaneja, viola de arame, viola nordestina. Também a viola cabocla, viola cantadeira, viola de 10 cordas. E ainda mais a , viola chorosa, viola serena, viola brasileira, entre outras.

Veja o clipe da música ‘A dança dos vagalumes’ abaixo:

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

PROGRAME-SE

'Trenzinho da Luz' oferece passeio gratuito pela 'Cidade dos Lagos'

MORADIA

Famílias recebem casa própria em Santa Maria do Oeste

CANDÓI

Manifestação pede que lei contra maus tratos de animais seja cumprida

Comentários