Corpo de quilombola será velado em Reserva do Iguaçu

Velório deverá começar por volta das 22 horas deste sábado e sepultamento será às 12 horas deste domingo (2) no Cemitério de RI

Charles de Jesus Soares (Foto: Reprodução/Facebook)

O corpo do quilombola Charles de Jesus Soares encontra-se na funerária Nossa Senhora de Belem, onde está sendo preparado para o funeral. A liberação no Instituto Médico Legal (IML) foi por volta 20h deste sábado (1). O corpo deve chegar em Reserva do Iguaçu por volta das 22h.

Conforme a mãe de Charles, dona Helena, o velório será na Capela Mortuária junto com o Cemitério Municipal. O sepultando será às 12 horas deste domingo (2).

O CRIME

Uma dívida de R$350 foi o pivô da morte violenta de Charles. De acordo com dona Helena, Charles devia esse valor a outro quilombola, Genésio. Como Charles trabalhava com fretes, Genésio acertar ou com ele de fazer um frete e abater o valor devido. Porém, na manhã deste sábado (1), o caminhão não pegou.

Conforme dona Helena, Genésio chegou na casa onde ela morava com o filho. “Ele estava muito bravo e dizia que meu não queria pagar a dívida e que, por isso, iria matá-lo. Eu pedia que ele não fizesse isso e que deu ia pegar a minha pensão na segunda e dava o dinheiro pra ele. Mas não aceitou. Foi até o carro, pegou uma espingarda cartucheira e estourou o peito do meu filho. Eu tentei empurrar o cano da espingarda, mas não consegui”, contou a mãe ao Portal RSN.

De acordo com dona Helena, Genésio foi visto na estrada de Reserva do Iguaçu pedindo carona para o município de Pinhão. Conforme a mulher, ele é negro, cabelo crespo, vestia calça jeans e camisa branca.

Relacionadas

DE 'DAR ÁGUA NA BOCA'

Como já é tradição, hoje (26) tem pastel da Catedral em Guarapuava

NOVA 'EXPLOSÃO'

'Explosão da covid-19': Guarapuava confirma 110 casos e a 30ª morte

NÃO ACABOU

5ª Regional perde posto de menor índice de contaminação do PR

Comentários