Em Foz o Governo 5.0 planeja o PR com apoio e parceria com municípios

"Vamos avançar ainda mais em educação, regionalizar a saúde de maneira permanente e fomentar a política de modernização do Estado”, diz governador

Governo: Carlos Massa Ratinho Junior faz a abertura do encontro de capacitação Governo 5.0 no Hotel Rafain Palace & Convention, em Foz do Iguaçu. (Foto: Geraldo Bubniak/AEN)

O governador Carlos Massa Ratinho Junior disse nesta quinta (31), na abertura do encontro Governo 5.0, em Foz do Iguaçu, que o planejamento do Estado para os próximos anos será feito a muitas mãos. Ele se referiu a parceria com os municípios. Disse também que a inovação, o Novo Pensar e Novo Fazer, deve estar a serviço de todos os paranaenses. Ratinho Junior também assinou um pacote de investimentos de R$ 351 milhões nos municípios para os próximos anos.

De acordo com o Governo, encontro reúne prefeitos, secretários estaduais, vereadores, representantes da Itaipu e outros poderes, de empresas públicas e instituições privadas. O evento é  em parceria pelo governo estadual, Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e Assembleia Legislativa. Conforme informações,  o encontro abre espaço para a discussão de mudanças na administração pública, de projetos construídos em conjunto e também para reforçar o conceito que orienta a prática inovadora nos serviços públicos. Assim, objetivando  que o Estado seja mais eficiente na entrega de resultados à população.

Temos trabalhado desde janeiro para o Paraná remar para o mesmo lado, o mesmo destino. Não é à toa geramos 60 mil novos empregos, temos a indústria que mais cresce e atraímos R$ 17,96 bilhões em investimentos privados. Os prefeitos precisam acompanhar o que o Estado vem fazendo, precisamos dessa sintonia.

Conforme o governador, o Governo 5.0 tem como intuito final levar tecnologia para beneficiar a vida das pessoas e dar agilidade ao poder público. “É parte de um processo de construção de um novo modelo de gestão. Queremos fazer desse evento uma plataforma de parceria com os municípios para aprender e escutar, para que a vida das pessoas seja impactada da prefeitura até o Governo”.

“Queremos novas ideias, olhar o que o mundo vem fazendo, o que os países estão fazendo para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Dessa maneira vamos avançar ainda mais em educação, regionalizar a saúde de maneira permanente e fomentar a política de modernização do Estado”.

DESENVOLVIMENTO

Ao fazer um balanço dos primeiros 10 meses de governo, Ratinho Junior também destacou o tripé que orienta o planejamento da atual administração para alavancar o desenvolvimento socioeconômico do Paraná: gestão pública eficiente, investimentos em infraestrutura e olhar social.

O Governo 5.0 é o primeiro evento desse porte em parceria com a Associação dos Municípios do Paraná (AMP). “O encontro discute governança e gestão municipal. Quando se falou em tecnologia 4.0, internet e armazenamento na nuvem, não se imaginou como isso iria colaborar com a vida dos órgãos públicos. O Governo do Estado quer mais, quer transformar toda essa tecnologia na humanização das cidades”, afirmou Darlan Scalco, prefeito de Pérola e presidente da AMP. “Queremos transformar a vida das pessoas nos municípios”.

O prefeito de Foz do Iguaçu, cidade que recepcionou o evento, disse que o Governo 5.0 mostra que o Paraná aposta no progresso e nas questões estratégicas do desenvolvimento regional. “O Brasil passa a ter esse modelo como exemplo, temos que mostrar o nosso potencial e integrar todas as nossas forças”, ponderou Chico Brasileiro.

APRIMORAR A COMUNICAÇÃO

Para Adalberto Xisto Pereira, presidente do Tribunal de Justiça do Paraná, o evento é fundamental para aprimorar a comunicação entre todos os órgãos. “Sem comunicação não haveria progresso. Esse encontro é uma prova disso. Viemos para discutir ideias inovadoras para melhorar os serviços públicos. Os principais marcos da história sempre estiveram ligados à comunicação. Os municípios estão preocupados com essa integração de tecnologia e de um diálogo planejado entre todos os órgãos públicos”, afirmou.

Assim, o  intuito é fortalecer as pontes, afirmou Ademar Traiano, presidente da Assembleia Legislativa. “O evento pretende construir pontes permanentes. É uma manifestação inequívoca da construção de redes pensando no bem-estar no povo paranaense, um momento vital para a consolidação do Paraná”.

De acordo com o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Fábio Camargo,  a corte não é apenas um órgão de fiscalização e sim um instrumento que pode colaborar com o aperfeiçoamento da gestão pública.

PARANÁ MAIS CIDADES

O Paraná Mais Cidades, que recebeu recursos de R$ 351 milhões, é fruto de uma parceria entre o Governo do Estado e a Assembleia Legislativa. Os investimentos serão realizados com recursos do Tesouro Estadual e da devolução dos recursos financeiros do exercício orçamentário do Legislativo. Assim, dos R$ 351 milhões, R$ 209 milhões são de devolução da Assembleia. O foco é diminuir as desigualdades sociais e promover inclusão.

O programa foi desenvolvido pela Casa Civil do Governo do Estado e busca utilizar de maneira mais distribuída e estratégica os recursos que serão devolvidos pela Assembleia Legislativa neste ano – tradicionalmente, o Poder Legislativo remete ao Poder Executivo o que sobra da execução orçamentária anual.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

COVID-19

Dois casos de covid-19 foram confirmados em Guarapuava nesta quarta (12)

AVANÇA CIÊNCIA

Médica que atuou no maior centro de pesquisa do mundo agora é do IPEC

200 PILA

Nota de 'duzentão' com ícones de Guarapuava causa euforia na internet

Comentários