Energisa divulga desligamento programado para Guarapuava

A Energisa informa que as interrupções programadas nos serviços de fornecimento de energia elétrica ocorrem entre os dias 7 e 13 de abril

Energisa divulga desligamento programado para Guarapuava (Foto: Divulgação)

A Energisa divulgou as novas interrupções programadas nos serviços de fornecimento de energia elétrica, em Guarapuava. Assim, as interrupções estão previstas entre os dias 7 e 13 de abril.

Conforme a empresa, a interrupção é necessária para executar obras de manutenção e melhoria na rede elétrica. Por isso, a interrupção será efetuada nas seguintes datas, horários e locais:

7 de abril

No dia 7 de abril, das 7h30 às 12h30. o cliente: Halan Patrik Dall Agnol.

8 de abril

No dia 8 de abril, das 7h30 às 12h30, no bairro Alto Cascavel, e o cliente: Eloir Vaccari Borges. Além disso, no dia 8 de abril, das 12h30 às 18h30, nos endereços: rua Eugênio Schleder, do nº 110 ao 337. Também na rua Francisco Braga, nº 21. E ainda na rua Jaime Amaral Pacheco, do nº 73 ao 388. Também na rua Jean D. Grannier, nº 55. Além da rua Eng. Lentsch, do nº 0 ao 649. E por fim, rua Vicente Mario Amorim, do nº 10 ao 223.

9 de abril

No dia 9 de abril, NO DIA 9/4/2020, das 212h30 às 18h30, nos endereços: rua Alm. Barroso, nº 309. Também na rua Conde D’eu, do nº 371 ao 987. Além da rua Humaitá, do nº 0 ao 320. Também na rua Miguel Feres Mishalany, nº 309. Rua Gal. Osório, do nº 433 ao 5.231. E por fim, rua Sen. Pinheiro Machado, nº 1.703.

13 de abril

No dia 13 de abril,  das 12h30 às 18h30, o cliente: José Alfredo Horst.

Entretanto, caso os serviços sejam concluídos antes dos horários previstos, os religamentos poderão ser antecipados. Mas por medida de segurança, a companhia orienta que se considere as instalações elétricas energizadas. Em caso de dúvidas, utililize o aplicativo Energisa On, acesse o site energisa.com.br ou ligue: 0800 7010 326

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

COVID-19

Universidade Federal do Paraná fará testes da vacina contra a covid-19

MORADIA

Em Fernandes Pinheiro, 50 famílias pobres ganham a casa própria

CONQUISTAS

Procuradoria da Mulher do Paraná comemora um ano de criação

Comentários