Estudantes ‘tomam’ terminal em protesto contra redução do Educard

Mudança na lei de incentivo reduziu de quatro para duas passagens/dia para quem estuda meio expediente. Para integral foram mantidos quatro passes

Estudantes ‘tomam’ terminal em protesto contra redução do Educard (Foto: RSN)

*Reportagem com vídeo

Uma manifestação de estudantes tomou conta do terminal Estação da Fonte no Centro de Guarapuava, nesta terça (3). Com uniformes de vários colégios da cidade, os alunos se posicionaram contra a readequação nas cotas do programa Educard. Os alunos pedem a revogação da alteração na lei que garante descontos no transporte coletivo urbano. A mudança foi sancionada em dezembro de 2019 pelo prefeito Cesar Silvestri Filho.

Assim, com a mudança, somente os alunos que estudam em período integral continuam tendo direito a quatro passagens diárias ao valor de R$ 1. Porém, aqueles que ficam apenas meio período na escola, passaram a ter direito a duas passagens por dia de aula. Entretanto, a prefeitura justifica ao dizer que a alteração foi feita a partir do levantamento feito pela empresa de transportes.

Conforme a pesquisa, o programa Educard possuía uma distorção, pois a média de uso diário, pela maioria dos estudantes, foi de duas passagens (ida e volta/dia) com destino ao estabelecimento de ensino. Assim, a alteração trata-se de uma readequação que mantém a finalidade original do benefício. Ou seja, facilitar o acesso à educação, com custo mais baixo da passagem, de modo complementar ao Vem Escolar, que já garante tarifa reduzida aos estudantes.

Veja vídeo do protesto no Terminal da Fonte.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

UTILIDADE PÚBLICA

Energisa divulga desligamento programado para Guarapuava

FAMÍLIAS VULNERÁVEIS

Energisa e Unesco distribuem 420 cestas básicas em Guarapuava

AINDA DÁ TEMPO

Mega-Sena sorteia prêmio acumulado de R$ 38 milhões neste sábado (24)

Comentários