Genro agride sogra com facas e barra de ferro em Pitanga

PM também registrou violência doméstica e agressão em Guarapuava e Prudentópolis

(Foto: Divulgação)

A Polícia Militar registrou três casos de agressão com lesão corporal e violência doméstica nesse domingo (9). Em Pitanga por volta das 18h30, uma mulher de 51 anos chamou a polícia até a rua Dinarte de Andrade Aguiar, no Conjunto Guaraúna, já que segundo ela, o genro de 29 anos passou o dia ingerindo bebida alcoólica e estava bastante agressivo.

Pelo relato feito à PM, o homem tentou bater nos filhos, de dois anos e o outro de apenas 15 dias de idade. Depois pegou duas facas e uma barra de ferro e tentou agredir a sogra dizendo que iria matá-la. Com os golpes, a mulher sofreu várias lesões no braço, na cabeça e no cotovelo, e foi socorrida vizinhos que também seguraram o agressor até a chegada da equipe policial. O Conselho Tutelar foi acionado e acompanhou os procedimentos na Delegacia. Os dois foram lavados à 45ª DRP.

PRUDENTÓPOLIS

Em Prudentópolis, às 21h30, um homem de 36 anos chamou a polícia até a rua Santos Dumont, no bairro Ronda, onde de acordo com ele, a mulher de 46 anos chegou embriagada e o teria agredido causando lesões. O marido afirma que tentou segurar a esposa, que acabou caindo e bateu a cabeça.

De acordo com a PM, os dois tinham consumido bebida alcoólica e foram encaminhados para atendimento médico. Após a liberação, os dois manifestaram interesse na representação.

GUARAPUAVA

E em Guarapuava às 23h45, uma mulher informou aos policiais que o irmão de 27 anos, teria sido atingido por um golpe de arma branca e que o autor seria o vizinho da vítima, também morador da rua dos Nutricionistas, no Residencial 2000 no bairro Morro Alto. A vítima foi atendida pelo Samu e levada até o hospital. O autor da tentativa de homicídio não foi encontrado.

Relacionadas

PANDEMIA

Outros 25 casos de covid-19 entram para a estatística em Guarapuava

AFOGAMENTO

Bombeiro suspende buscas no Parque do Lago em Guarapuava

Em nota, Câmara desmente PL para 'fechar' o voto na eleição da Mesa

Comentários