Guarapuava tem projeto selecionado pelo Programa Lixão Zero

Guarapuava receberá R$ 4,9 milhões que serão destinados ao projeto de resíduos sólidos, com a modernização da coleta e destinação adequada desses resíduos

Guarapuava tem projeto selecionado pelo Programa Lixão Zero (Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava)

*Reportagem com vídeo

*Reportagem atualizada para inclusão/retirada de informação, conforme a Secretaria de Comunicação Social da prefeitura de Guarapuava. Alteração feita às 12h22 do dia 14/02.

Guarapuava é um dos 57 municípios brasileiros contemplados no Programa Lixão Zero, do Governo Federal. O prefeito Cesar Silvestri Filho e o secretário de Meio Ambiente, Celso Araújo, participaram nessa quarta (12) em Brasília, da solenidade de lançamento do Programa.

Na ocasião, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro de Meio Ambiente, Ricardo Salles, assinaram o documento para liberação dos recursos destinados a facilitar a reciclagem e acabar com os lixões dos municípios.

Conforme o ministro, as cidades contempladas foram escolhidas devido à qualidade técnica dos projetos. “Os critérios de escolha dos municípios foram absolutamente técnicos. O ministério fez o edital e ranqueou as cidades com base nos critérios estabelecidos e informações recebidas”.

No total, Guarapuava receberá R$ 4,9 milhões que serão destinados ao projeto de resíduos sólidos que fará a modernização da coleta e destinação adequada desses resíduos.

De acordo com Cesar Filho, o projeto de Guarapuava foi escolhido a dedo entre os mais de mil inscritos pra receber esses recursos, que são de fundo perdido. “Esses recursos serão utilizados para melhorar as condições ambientais nas áreas urbanas. Ou seja, Guarapuava foi escolhida unicamente pela competência na elaboração do projeto.

Conforme o secretário de Meio Ambiente, Celso Araújo, a cidade receberá toda a estrutura necessária, com equipamentos para aprimorar o serviço de coleta de resíduos sólidos.

“Além dos recursos e equipamentos, as equipes irão receber treinamentos para dar mais agilidade e segurança em todo o processo da coleta e destinação adequada”.

Assinatura do Programa Lixão Zero foi em Brasília (Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava)

RESÍDUOS SÓLIDOS

O objetivo desse projeto é modernizar e ampliar os serviços de coleta de resíduos sólidos na cidade. Com os recursos adquiridos pelo Programa, Guarapuava vai receber caminhões compactadores, balança, contêineres, triturador de podas de galhos e demais equipamentos.

Assim, o projeto vai auxiliar na capacitação dos servidores envolvidos no processo da coleta e ainda na educação ambiental para orientar os guarapuavanos sobre a correta separação do resíduos recicláveis, dos orgânicos e rejeitos.

Prefeito Cesar Filho falou sobre o Programa Lixão Zero.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

LEI ALDIR BLANC

Setor cultural pede socorro para não perder recurso emergencial

PROGRAME-SE

'Trenzinho da Luz' oferece passeio gratuito pela 'Cidade dos Lagos'

MORADIA

Famílias recebem casa própria em Santa Maria do Oeste

Comentários