Homem é suspeito de usar notas falsas em lotérica em Reserva do Iguaçu

O homem fez um depósito de R$ 600, sendo que três notas eram falsas. O dinheiro chegou a ser repassado para uma senhora que devolveu as notas no local

Homem entrega notas falsas em lotérica em Reserva do Iguaçu (Foto: Reprodução)

A Polícia Militar de Reserva do Iguaçu auxiliou o dono de uma lotérica a identificar um homem de 26 anos, suspeito de repassar notas falsas no estabelecimento. Conforme a PM, as notas foram identificadas por uma das funcionárias do local, na tarde dessa quarta (30).

De acordo com as informações, uma equipe policial estava em patrulhamento até a rua Eugênio Caldas no Centro, quando uma atendente de caixa de uma lotérica abordou a equipe. E contou que notas falsas teriam sido repassadas no local

Além disso, ela explicou que seria possível identificar a pessoa que teria usado as notas na lotérica, por meio das imagens de câmeras de segurança. Ela disse que o suspeito era a única pessoa a fazer um depósito durante a tarde, de R$ 600. Ainda de acordo com o relato da mulher, logo depois, uma senhora havia ido até o caixa e sacado o auxílio emergencial de R$ 600. Assim, levando as notas falsas com ela, mas retornou ao ser questionada sobre o dinheiro falso. .

Assim, elas entraram em acordo, a lotérica recolheu as as notas e entregou a mulher notas verdadeiras. Por fim, o proprietário da lotérica entregou as notas e as imagens na Delegacia de Polícia Civil.

COMO IDENTIFICAR NOTAS FALSAS

De acordo com o Banco Central, o primeiro passo é ver a marca d’água, colocando a nota contra a luz e verificando na área clara, a figura do animal e o número do valor da nota, em tons que variam do claro ao escuro. Posteriormente, ver o fio de segurança. Esse fio é escuro e fica visível próximo ao meio da nota, quando ela é colocada contra a luz. Nele estão escritos o valor e a palavra “REAIS”. Mas repare que o fio só está presente nas cédulas de R$ 10, 20, 50 e 100.

Ainda, outra maneira de identificação é o auto relevo das notas. Pelo tato, é possível sentir relevo em algumas áreas da nota. Por exemplo, na frente, na legenda “REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL”, nas laterais e nos números indicativos de valor (nas notas de R$ 10 e 20, somente no número inferior esquerdo). Já nas notas de 20, 50 e 100 reais, é possível sentir o relevo também no verso: na legenda “BANCO CENTRAL DO BRASIL”, no animal e no número indicativo de valor.

OUTRAS MANEIRAS DE IDENTIFICAÇÃO

Conforme informações do BCB, o próximo passo é observar o quebra-cabeça nas células. Dessa maneira, coloque a nota contra a luz e veja que as partes do desenho do verso que completam as da frente, formando o número do valor da nota. Outra maneira é descobrir o número escondido, colocando a nota na altura dos olhos, na posição horizontal, em um lugar com bastante luz. Assim, o valor da nota aparece nas áreas indicadas.

Por fim, um outro passo de identificação é descobrir os elementos fluorescentes sob luz ultravioleta.  Observando, o número do valor da nota aparece na frente, na área indicada. Também, a numeração de série vermelha fica amarela. E ainda, os pequenos fios se tornam visíveis na cor lilás.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

ALERTA

Postagem 'fake' anuncia distribuição de cestas básicas em Guarapuava

MAIS CONFIRMAÇÕES

Saúde confirma 31 novos casos de covid-19 em Guarapuava

DROGA

PRF apreende 331kg de maconha em carro com placas de Guarapuava

Comentários