Jovem suspeita de participação na morte de ‘Versa’ é presa pela Polícia Civil

O crime aconteceu em Guarapuava no dia 15 de abril

(Foto: Reprodução/Facebook)

Foi presa na noite desta terça feira (24) Ingridi Karine Carriel, de 24 anos, em Guarapuava. Ela é suspeita de envolvimento no feminicídio de Universinda de Abreu, conhecida como ‘Versa’, de 45 anos. O crime aconteceu no dia 15 de abril na rua Camilo Mendes perto da Escola Total, no bairro Industrial, em Guarapuava.

De acordo com a Polícia Civil, testemunhas informaram que ela teria induzido Vilson Pires Piedade, de 46 anos, ex-marido da vítima, a assassinar Versa. As testemunhas informaram ainda que a arma utilizada no crime foi fornecida por Ingridi. Ela nega a participação no crime mas, foi presa preventivamente depois de prestar esclarecimentos na 14ª SDP e ter a prisão decretada pela juíza da 3ª Vara Criminal de Guarapuava. A delegada responsável pelo caso, Ana Carolina Hass de Miranda Castro, entendeu que houve ‘auxílio material e induzimento’ por parte da jovem. Ainda de acordo com a polícia, ela era namorada do acusado.

(Foto: Reprodução/Facebook)

No dia do crime,  o filho da vítima de 19 anos, informou que a mãe havia discutido com seu padrasto, e que conteve o homem que tentou agredir sua mãe. Segundo relato do rapaz, Vilson foi então até a caminhonete Ford Ranger Preta, pegou uma arma e fez vários disparos contra Versa.

(Foto: Arquivo)

Universinda foi atingida com tiros na região do tórax e na cabeça. Ela chegou a ser socorrida pelo Samu, mas não resistiu. Vilson fugiu com a caminhonete e foi encontrado pela polícia em Tijucas do Sul/SC acompanhado de Ingridi, dois dias depois do crime.

Relacionadas

CORRIDA SOLIDÁRIA

'Cidade dos Lagos' sediará a 1ª NightRun e inscrições estão abertas

PANDEMIA

Guarapuava conta com mais 45 casos de covid-19 confirmados

BORA TORCER!

CAD enfrenta Coronel Vivida na noite deste sábado em Guarapuava

Comentários