Marido discute com esposa e morre atropelado em Guarapuava

Em outra ocorrência, uma mulher grávida de 29 anos morreu após ser atingida por tiros no Jardim das Américas em Guarapuava

Marido discute com esposa e morre atropelado em Guarapuava (Foto: Matheus Buongermino/RSN)

A Polícia Militar atendeu três ocorrências envolvendo mortes em Guarapuava nessa segunda (20) em Guarapuava. Entre as ocorrências, uma mulher grávida foi morta a tiros. Um idoso foi encontrado sem vida em casa. E um homem agrediu a esposa e morreu atropelado em seguida.

BAIRRO JORDÃO

Por volta das 12h25, uma equipe da Rádio Patrulha foi até a avenida Rubens Siqueira Ribas, no bairro Jordão, após receber uma chamada via 190 que um homem, estaria agredindo sua ex-mulher em via pública.

No local as equipes constataram que um homem de 27 anos tinha sido atropelado por um carro não identificado. Conforme a PM, o médico do Samu constatou a morte. Trata-se de Fernando Oliveira Gonçalves, de 27 anos.

De acordo com relato da mulher de 28 anos aos policiais, ela disse que havia saído do trabalho e que o marido a estava aguardando. Após uma discussão, ela informou que foi embora e que não presenciou o atropelamento. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava e aguarda identificação oficial. A polícia investiga o caso.

TRIANON

Mais tarde, por volta das 13h15, uma equipe da Rádio Patrulha atendeu a segunda ocorrência de morte em Guarapuava. Desta vez os policiais foram até a rua 17 de Julho, no bairro Trianon. No endereço, familiares relataram que o idoso foi encontrado caído e sem vida, por sua cunhada. Trata-se de Romão Rui Acosta, de 66 anos.

O Samu foi acionado, mas a causa da morte não foi constatada. Assim foi acionado o Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava para investigação e posterior recolhimento do corpo. Entretanto, compareceram ao local o delegado de plantão e o perito, que não constataram sinais de morte violenta. Por fim, foi solicitado novamente ao Samu a liberação do corpo para os familiares.

JARDIM DAS AMÉRICAS

E na noite dessa segunda (20), a PM atendeu uma ocorrência de disparo de arma de fogo, onde havia duas vítimas. Conforme a polícia, por volta das 22h43, os policiais foram até a rua Jorge Silveira do Amaral, no bairro Jardim das Américas.

No endereço, os policiais encontraram uma mulher e um homem caídos. Foi acionado o Samu, que constatou a morte da mulher. Trata-se de Fabiane Moreira Maciel, 29 anos que estava grávida. Ela foi morta com tiros na cabeça. A outra vítima de disparo de arma de fogo foi um jovem de 20 anos, também com tiros na cabeça.

De acordo com informações do Samu, ele foi socorrido em estado grave e encaminhado ao Hospital São Vicente. Entretanto não há informação sobre o estado de saúde do rapaz. De acordo com a PM, uma outra vítima, um adolescente de 15 anos, procurou atendimento na Upa Primavera.

Segundo informações de uma das vítimas, o autor dos tiros chegou usando roupas escuras. E após uma discussão, passou a dar tiros contra todos que estavam no local.

O corpo da mulher foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Guarapuava e aguarda identificação oficial. A polícia investiga o caso. Até o momento, o denunciado não foi encontrado.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

COVID-19

Guarapuava chega a 274 pacientes com a covid-9

CULTURA E ARTE

'Circuito Arte Viva' vai receber doações e ajudar artistas locais

INFRAESTRUTURA

Transporte de grãos por ferrovia cresce 128% do Oeste para Paranaguá

Comentários