PM atende cinco ocorrências de lesão corporal e violência doméstica

Em uma das ocorrências em Guarapuava, o marido embriagado feriu o rosto da mulher e quebrou um dente dela após dar um soco

PM atende cinco ocorrências de lesão corporal e violência doméstica (Foto: Reprodução/Pixabay)

A Polícia Militar atendeu cinco ocorrências envolvendo, lesão corporal, violência doméstica e ameaça contra a mulher em Guarapuava e Região nas últimas horas. De acordo com o relatório policial, nesse domingo (17), a PM foi até a rua Salvador Gomes, no bairro Vila Bela, para prestar atendimento a uma mulher de 57 anos, vítima de violência doméstica.

No endereço, a vítima afirmou que estava em casa com o marido de 47 anos. Conforme relato da mulher, o marido estava embriagado e em determinado momento iniciou uma discussão. Ele agrediu a mulher, que sofreu uma lesão no supercílio esquerdo.

Ela conseguiu sair correndo, mas o agressor a alcançou e a agrediu novamente. Desta vez com um soco no queixo, que quebrou um dente. A vítima conseguiu pedir ajuda na casa da cunhada. Diante do relato da vítima, os policiais foram até a residência do casal, na rua Guilherme Camilo, no bairro Boqueirão. O agressor estava no local e foi preso e levado para a 14ª SDP.

BAIRRO CASCAVEL

Também nesse domingo, uma mulher relatou aos policiais que ao chegar em casa, na rua Norberto Marcondes, o marido da mãe dela de 36 anos, começou a ofendê-la com palavrões. Além disso, a vítima informou que em dado momento o agressor investiu na direção da mãe de 42 anos.

De acordo com a filha, o marido queria agredir a mãe com socos, mas foi impedido pela filha da mulher. O agressor também ameaçou de morte mãe e a filha. No endereço, os policiais encontraram o homem em visível estado de embriaguez. Ele foi preso e levado para a 14ª SDP.

BAIRRO PRIMAVERA

Ainda na tarde desse domingo, a PM atendeu nova ocorrência de lesão corporal e violência doméstica em Guarapuava. Assim, na rua Bartolomeu Bueno Silva, vizinhos informaram à polícia, que havia um casal dentro de um GM Corsa Preto, e que a mulher estaria sendo agredida.

No local, a mulher de 22 anos que estava no carro negou a agressão. Entretanto, o marido dela foi localizado na esquina da residência. A vítima não manifestou interesse na representação. Porém, foi arrolada como testemunha a mãe da vítima de 42 anos, que presenciou os fatos.

BAIRRO SANTA CRUZ

E por volta das 17h32, os policiais foram até a rua Engenheiro Rebouças, onde uma mulher de 25 anos, que está separada do marido há sete meses, informou que vem recebendo ameaças dele.

De acordo com a vítima, um pouco antes, por volta das 14h30, o ex-marido foi até a residência dela, e ameaçou ela e uma amiga que mora na mesma casa de morte. Em seguida, ele fugiu. A vítima e a amiga foram orientadas.

LARANJEIRAS DO SUL

Em Laranjeiras do Sul, a PM também registrou um caso de violência doméstica. Uma mulher informou aos policiais que está separada há aproximadamente três meses. E que nesse domingo, o ex-marido pulou o portão da casa dela e ainda tentou arrombar a janela.

Conforme a vítima, o agressor foi contido por um familiar, que o colocou em um carro e saiu do local. A PM não informou a idade dos envolvidos, nem o bairro em que aconteceu a violência doméstica. Por fim, a mulher foi orientada.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

BOMBA

Esquadrão antibomba detona explosivo encontrado em Guarapuava

SOLIDARIEDADE

Neste sábado (26) tem Mutirão Solidário Escoteiro em Guarapuava

PROTESTO

Carreata em protesto a unificação de escolas é neste sábado

Comentários