PM encerra festa com 40 pessoas em Guarapuava

Mesmo com o aumento exponencial no número de casos a polícia continua tendo que intervir em situações como esta. Em 22 dias, 1.086 novos casos foram confirmados

PM afirmou que haviam 40 pessoas no local (Foto: Arquivo/RSN)

Mesmo com o evidente colapso que Guarapuava vem enfrentando com o crescente número de casos de covid-19, a população ainda não está preocupada. Isso fica comprovado quando a Polícia Militar tem que intervir para coibir as aglomerações. Na madrugada deste domingo (22), a PM terminou com uma festa com mais de 40 pessoas em um espaço no bairro Jordão em Guarapuava.

De acordo com as informações, uma denúncia levou a equipe até o local. Segundo o relato, o som estava muito alto, mas quando a equipe chegou, a música estava desligada e as pessoas se retirando. Desse modo, um homem de 32 anos se apresentou como organizador da festa e disse que haviam cerca de 40 pessoas.

Dessa maneira, ele foi encaminhado para lavratura de termo circunstanciado. No fim de semana a polícia terminou um churrasco que começou na sexta (20) e terminou apenas no sábado (21) com a chegada da equipe.

EXPLOSÃO DE CASOS

Por fim, em 22 dias a Saúde de Guarapuava já confirmou 1.086 casos. Além disso, pela primeira vez, registrou mais de uma morte diária. Nesse domingo (22), houve a confirmação de três mortes em decorrência da doença. Na semana passada o prefeito de Guarapuava, Cesar Filho, reconheceu em entrevista que o processo eleitoral contribuiu para o aumento de casos. Porém, a irresponsabilidade da população também fica evidente.

Relacionadas

IMUNIZAÇÃO

Chega a Guarapuava unidades de insumos de vacina da covid-19

DESENTENDIMENTO

Homem morre após briga generalizada em bar

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Homem agride esposa com socos no bairro São Cristóvão

Comentários