PM registra casos de assédio e tentativa de estupro contra guarapuavanas no final de semana

Houve o registro, também, de um caso de violência doméstica

O final de semana foi violento para mulheres de Guarapuava, segundo dados da Polícia Militar. Em levantamento divulgado nesta segunda feira (26), a PM revelou casos de assédio sexual, tentativa de estupro e violência doméstica em diversas regiões do município.

O primeiro caso registrado ocorreu na manhã do último sábado (24), na Rua Jorge Alves Ribeiro, enquanto a vítima ia trabalhar. A mulher recebeu voz de assalto e foi levada até a passarela da BR-277, onde o homem mandou que ela tirasse a roupa. Segundo a vítima, o autor também tentou tirar a roupa da mulher. Ela conseguiu fugir e ligar para a polícia, que realizou patrulhamento, mas não localizou o autor.

ASSÉDIO SEXUAL E AGRESSÃO

No início da noite de sábado (24), no Morro Alto, uma mulher foi agredida e assediada por um adolescente de 17 anos. O caso ocorreu quando a mulher chegava em casa.

Segundo a PM, a vítima, de 25 anos, estava acompanhada de um homem. O agressor teria investido contra ambos sem motivo aparente, quando eles estacionavam o veículo em que estavam. Desta agressão, a mulher teve um corte na boca.

Ainda segundo a PM, a mulher conseguiu sair do local e ir até a sua residência, porém, o adolescente a seguiu, quebrou a janela da casa e passou a assediá-la verbalmente. Quando ele tentava entrar na casa, foi detido e agredido por populares.

“Quando a equipe chegou no local e ao tentar realizar abordagem, ele tentou investir contra a equipe, sendo necessário uso de técnicas de imobilização para conter a ação do mesmo”, disse o relatório.

O adolescente, que não teve o nome divulgado, foi levado à UPA do Batel e, em seguida, encaminhado à 14ª Subdivisão Policial de Guarapuava.

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Na madrugada de domingo (25), a polícia registrou um caso de lesão corporal e violência doméstica no bairro Industrial. As agressões físicas foram cometidas pelo companheiro da vítima. Ela conseguiu fugir e se esconder na casa de parentes.

Em patrulhamento, a polícia localizou o autor em via pública momentos depois. Ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado à 14ª SDP.

Relacionadas

SINAL VERMELHO

Covid-19 mata mais uma pessoa em Guarapuava neste fim de semana

COLHEITA FARTA

Produtor de cevada comemora colheita, qualidade e preço

LEI ALDIR BLANC

Setor cultural pede socorro para não perder recurso emergencial

Comentários