Quatro são presos por suspeita de envolvimento com a morte de empresário guarapuavano

Arnaldo Flareço, de 64 anos, foi vítima de latrocínio no dia 9 deste mês. Homens não admitiram o crime

(Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Guarapuava prendeu, no início da manhã desta quinta feira (18), quatro homens que são suspeitos de envolvimento na morte do empresário Arnaldo Flareço, de 64 anos. Ele foi vítima de latrocínio, roubo seguido de morte, no dia 9 deste mês. O crime ocorreu na saída da chácara da Flabel Construção Civil. Na ocasião, Arnaldo chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. Ele foi atingido por um disparo de arma de fogo.

De acordo com a delegada responsável pelo caso, Ana Carolina Hass de Miranda, os quatro homens foram presos após a Polícia Civil ter localizado o carro de Arnaldo, que foi levado pelos assaltantes no dia do crime. O veículo estava em um matagal, no Jardim Colibri, sem três rodas.

Ainda segundo a delegada, a partir do veículo, foi localizado um homem que comprou estas rodas. Foi este homem que mencionou o nome dos quatro suspeitos que foram presos nesta quinta (18).

A esta reportagem, a delegada informou que os homens foram presos nos bairros Alto Cascavel, Jardim das Américas e Jardim Colibri. No primeiro depoimento à polícia, eles falaram pouco e não admitiram o crime.

A suspeita da polícia é que, mesmo que eles não tenham executado o crime, possuem envolvimento direto, já que, com os suspeitos, foram localizados objetos pessoais de Arnaldo, como seu celular.

As investigações seguem na Polícia Civil. Os nomes dos quatro envolvidos não foram divulgados.

O CASO

O assalto que vitimou Arnaldo ocorreu por volta de 13h30 do dia 9, na Estrada do Rocio, bairro Aeroporto. O empresário, que era um dos sócios da Flabel, foi abordado por dois bandidos na saída da chácara da empresa.

De acordo com informações da Polícia Militar, os homens pediam pelo carro da vítima, um Fiat Toro. Durante a ação, Arnaldo foi atingido no pulmão por um tiro. Ele teria sido lançado para fora do veículo pelos assaltantes quando o carro ainda estava em movimento.

O empresário foi socorrido por moradores das redondezas e encaminhado ao Hospital São Vicente de Paulo, onde acabou falecendo. O caso foi recebido com bastante comoção pela comunidade de Guarapuava e região.

Relacionadas

PREVISÃO DO TEMPO

Chuva forte marca primeiro fim de semana de dezembro em Guarapuava

TUDO NO SHOPPING CIDADE DOS LAGOS

Donau Bier e Paulistana Pizza Bar são as opções para o domingo no Shopping

NOVA CONQUISTA

Campo Real recebe Selo Sesi ODS 2020

Comentários