Réus são condenados a mais 19 anos de prisão pela morte de Juziel em Irati

Trio também foi condenado a pagar R$ 100 mil de indenização à família do adolescente

(Foto: Rádio Najuá)

Os três acusados pelo assassinato do jovem Juziel Markos Remes de Andrade, ocorrido em marco de 2014, foram condenados a 19 anos e três meses de prisão em regime fechado, por homicídio doloso com duas qualificadoras: crueldade e impossibilidade de defesa da vítima.

A sentença foi lida na noite dessa quarta feira (8), no segundo dia do julgamento que durou mais de 20 horas no Tribunal do Júri da Comarca de Irati. Marcelo Padilha, Luis Fernando dos Santos (Xuxa) e Cléber Fabiano Farias de Souza Martins (Clebinho), foram condenados a prisão em regime fechado e também a pagar R$ 100 mil de indenização por danos morais à família de Juziel.

(Foto: Rádio Najuá)

O julgamento começou na terça (7) e o júri foi presidido pelo juiz Carlos Eduardo Faísca Nahas.

O CASO

Juziel que na ocasião tinha 17 anos foi encontrado morto na manhã do dia 24 de março de 2014 em um terreno baldio na Avenida Vicente Machado. Antes do ocorrido, ele foi visto pela última vez em uma festa open bar, de sábado (22), para domingo (23).

Na época, imagens de câmeras de segurança obtidas pela Polícia Militar mostravam que o adolescente teria sido perseguido por outros três jovens por volta das 5h da manhã de domingo pelas ruas da área central.

O corpo de Juziel foi encontrado na manhã de segunda (24), com sinais de agressão. Pertences do adolescente foram encontrados em uma construção abandonada. Já o corpo dele apresentava ferimentos na cabeça e no rosto. No dia 28 de março, a Polícia Militar capturou os três suspeitos pelo crime.

(Foto: Arquivo/RSN)

(Com informações da Rádio Najuá)

Relacionadas

TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Homem é preso após dar tiro em um bar de Santa Maria do Oeste

CAUSAS NATURAIS

Idosa desaparecida é encontrada morta em Santa Maria do Oeste

CAPOTAMENTO

Jovem de 18 anos fica ferido após capotamento na PR-364 em Goioxim

Comentários