Samuca pede cassação de Jabur por falta de decoro parlamentar

Vereador do PRB atacou a Câmara durante entrevista a programa radiofônico

(Foto: Reprodução/Câmara Municipal)

Uma entrevista do vereador Valdomiro Batista, o Jabur (PRB), à um programa radiofônico, nesta semana, levou o também vereador Samuel da Silva Pinto, o Samuca, a pedir a intervenção da Conselho de Ética da Câmara Municipal, em Guarapuava. O motivo: falta de decoro parlamentar, já que Jabur taxou os vereadores de “surdos” e disse que a população elegeu “postes”.

A declaração foi dada durante resposta feita pelo repórter Celso Pinheiro sobre obras na cidade. De acordo com Jabur, as obras não estão acontecendo e respondendo sobre a pergunta: “E o vereador como fica”? Jabur desferiu: “O vereador sofre. Só que tem vereador que não abre a boca porque você votou num mudo. Isso é uma sátira”.

De acordo com Samuca (Cidadania), até pouco tempo Jabur integrava a bancada de sustentação ao prefeito Cesar Silvestri Filho (Cidadania), estava diariamente no gabinete e todos os vereadores eram bons. “Como as últimas eleições, o vereador [Jabur] apoiou outro candidato a deputado estadual e a sua ex-mulher foi afastada da Prefeitura. E veio o ódio, a raiva. Mas quem me conhece e a outros vereadores, sabe que estamos todos os dias nos bairros. Não somos mudos e nem postes. Eu defendo a união dos vereadores para reivindicar pela população e não ficar gastando tempo falando mal da Câmara, instituição a qual ele [Jabur] também pertence”, disse ao Portal RSN.

No seu pronunciamento na sessão dessa terça (9) Jabur não poupou críticas a secretários municipais e também anunciou que deixará a política. “Não sou candidato. Garrei nojo de política”. Segundo a assessoria de imprensa do Legislativo Municipal, o departamento jurídico da Câmara já solicitou cópia da entrevista de Jabur para encaminhá-la ao Conselho de Ética composto pelos vereadores Valdemar Calixtro (presidente), Guto Klosowski (membro) e Elcio Melhem (relator).

Uma vez concluído o relatório, o documento será colocado à apreciação dos demais vereadores, podendo ser a cassação ou não de Jabur.

Relacionadas

FURTO E FUGA

Mulher furta carro, abastece e foge sem pagar e é presa em Guarapuava

APREENSÃO

Polícia apreende celulares e eletrônicos na BR-277 em Guarapuava

GUARAPUAVA e CANDÓI

PRF apreende mais de R$ 200 mil em eletrônicos e cigarros na BR-277

Comentários