Sanepar faz desinfecção em hospitais e asilo de Guarapuava

Ação tem objetivo de evitar contaminação pelo coronavírus e será feita no Hospital Santa Tereza, no São Vicente e no Asilo Airton Haenisch

Sanepar faz desinfecção em hospitais e asilo de Guarapuava (Foto: Ascom/Sanepar)

*Reportagem com vídeo

A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) iniciou no dia 13 de abril em Curitiba o trabalho de desinfecção de hospitais. Mas, agora a ação também está sendo feita em outras cidades do Estado. Entre elas, Guarapuava.

Assim, nessa quarta (29), a Sanepar trabalhou na desinfecção nos arredores e parte externa do Hospital de Caridade São Vicente de Paulo e do Instituto Virmond (Hospital Santa Tereza). Esse processo ocorre no período da noite, para aproveitar o trânsito mais tranquilo.

De acordo com a assessoria de imprensa da Sanepar, além de limpar o entorno de hospitais e unidades de saúde, a empresa iniciou agora a limpeza da Região próxima a asilos e instituições que cuidam de idosos no Paraná.

Em Guarapuava, o Serviço de Obras Sociais Airton Haenisch, que abriga idosos, será desinfectado nesta quinta (30).

Asilo Airton Haenisch passará pelo trabalho de desinfecção nesta quinta (30) (Foto: Ascom/Sanepar)

UMA AÇÃO PELO BEM

Essa é uma parceria entre a Sanepar e órgãos do Governo do Estado. Conforme Adão Alisson Slompo,  gerente regional da Sanepar, o trabalho deve garantir a segurança da população e evitar a propagação da Covid-19.

“As unidades de saúde concentram boa parte das pessoas infectadas pelo coronavírus. Além disso, é onde trabalham os profissionais de saúde e estão as pessoas em tratamento por outras enfermidades. Já os asilos, abrigam uma parcela da população que compõe um grupo de risco bastante vulnerável, que são os idosos”.

Assim, esse processo é parte de uma série de iniciativas tomadas desde o início da pandemia. Portanto, o intuito é reforçar e ajudar as instituições nos cuidados com as pessoas doentes e que circulam nas proximidades desses lugares.

Equipes são especializadas e usam equipamentos de segurança na desinfecção (Foto: Ascom/Sanepar)

DESINFECÇÃO

Sendo assim, cerca de 60 asilos e instituições devem passar pelo processo de limpeza e desinfecção. O trabalho é feito com hipoclorito de sódio diluído, um dos produtos indicados pela Agência Nacional de Saúde (Anvisa).

A Sanepar já fez o processo no entorno de muitas unidades de saúde do Estado. A ação é uma ideia conjunta da Sanepar, Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e Polícia Militar, que faz o isolamento da área e a segurança do trânsito, quando necessário.

VEJA O TRABALHO DE DESINFECÇÃO ABAIXO.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

INFRAESTRUTURA

Ruas da comunidade da Paz recebem recape asfáltico em Candói

FOI POUCO!

Apesar da chuva, estado de alerta pela estiagem continua em Prudentópolis

IMPORTANTE

Pesquisa da Unicentro busca mapear grupos de risco para Covid-19

Comentários