Sem auxiliar de necrópsia, corpos só serão liberados nesta segunda (3)

Escala prevê carga horária de 12 horas por dia, considerada desumana por profissionais que atuam nesse setor. Por isso, o plantonista não compareceu

IML de Guarapuava (Foto: Arquivo/RSN)

Três corpos foram trazidos a Guarapuava neste domingo para um só endereço: o Instituto Médico Legal de Guarapuava (IML). Duas famílias aguardaram à porta do IML, já que dois mortos eram irmãos. Foram três homicídios em Laranjeiras do Sul.

Porém, a falta de auxiliar de necrópsia impediu os procedimentos legais, Assim, os corpos só serão liberados aos familiares nesta segunda (3).

De acordo com a escala de trabalho do IML de Guarapuava, o expediente do auxiliar de necrópsia foi alterado durante a semana. Por cinco dias serão 12 horas  seguidas. Entretanto, sem aceitar essa determinação o plantonista deixou de comparecer ao Instituto neste domingo.

‘ESCALA É ABUSIVA’

O Portal RSN conversou com esses profissionais e eles disseram que a escala é abusiva. Lembraram também que todos possuem família e que não há lei que determine uma pessoa de 12 horas de carga horária diariamente. Além dessa sobrecarga numa função que convive com mortes violentas e o desespero de familiares, o desgaste psicológico, emocional compromete a saúde  física e mental.

Entretanto, a exemplo deste domingo (2), famílias desesperadas pela perda, sofrem ainda mais à espera da liberação de corpos. Neste domingo, familiares retornaram para Laranjeiras do Sul sem levar os corpos para o sepultamento. Porém, retornam nesta segunda (3), quando o IML deverá contar com um auxiliar de necrópsia para liberar três corpos.

RSN LEVANTA ESSE PROBLEMA HÁ TEMPOS

A falta de funcionários no IML de Guarapuava é um  problema que vem sendo levantado pelo Portal RSN há muito tempo. Há cerca de duas semanas quando acidentes fatais vitimaram seis pessoas num único dia, um único auxiliar de necrópsia trabalhou  16 horas ininterruptas.

E agora, desde o sábado (1) o expediente do IML foi reduzido das 23h para às 20h. Significa que se houver alguma morte violenta após às 20h o atendimento será apenas no dia seguinte.

Leia outras notícias no Portal RSN.

 

Relacionadas

FALTAM 2 DIAS

Bastidores de júri de Manvailer movimentam redes sociais

SISTEMA ON-LINE

Programa Guarapuava Digital oferece agilidade e economia

MÊS DE RECORDES

Cadeião tem recorde de situações de fuga em Guarapuava

Comentários