Suspeito de matar ‘Versa’ é indiciado por feminicídio

A atual esposa dele também foi indiciada

Vilson Pires Piedade de 46 anos, suspeito de matar a ex-companheira ‘Versa’, de 45 anos no último dia 15 de abril, no bairro Industrial em Guarapuava, foi indiciado, na tarde dessa quinta (25) pelo crime de feminicídio. Na noite de quarta feira (24) a atual mulher dele foi presa preventivamente. Para a Polícia Civil, Ingridi Karine Carriel, de 24 anos, é coautora do crime e também foi indiciada.

(Foto: Polícia Civil)

Universinda de Abreu, a ‘Versa’ de 45 anos, foi encontrada morta em casa. De acordo com os policiais o filho disse à Polícia Militar (PM) que a mãe e o ex-companheiro tiveram uma discussão. Na sequência, o homem, de 46 anos, voltou com uma arma e atirou.

Vilson fugiu após o crime e foi encontrado dois dias depois pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-376, em Tijucas do Sul. A polícia informou que a arma usada no crime seria de Ingridi. A Polícia Civil acredita que ela tenha pedido para o homem matar ‘Versa’.

Eles continuam presos na Delegacia de Polícia Civil de Guarapuava. Segundo a polícia, o inquérito segue para o Ministério Público do Paraná.

Relacionadas

NO TOPO!

CAD vence Apaf de Paranaguá com placar de 4 a 2 em Guarapuava

BALANÇO

Guarapuava registra dois casos de covid neste domingo

ÁLCOOL E DIREÇÃO

Três motoristas embriagados são presos após acidentes em Guarapuava

Comentários